Notícias

Lula e Alckmin analisam estender programa de desconto para carro zero

Lula e Alckmin discutem prorrogação de desconto para carros zero para empresas. Saiba mais sobre o programa de incentivo do governo!

29 Jun 2023 - 14h24 | Atualizado em 29 Jun 2023 - 14h24
Lula e Alckmin analisam estender programa de desconto para carro zero Lorena Bueri

Nesta última quarta-feira (28), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, falou em entrevista à Míriam Leitão, que Lula e Alckmin analisam prorrogar programa de desconto para carro zero para empresas. 

"Nós estamos discutindo com o presidente Lula e o vice-presidente Alckmin, eventualmente, a prorrogação para veículos abertos, para pessoa jurídica, porque isso afeta determinadas montadoras. Isso está sendo discutido em virtude desse particular em que as pessoas físicas esgotaram o crédito do programa antes da abertura para pessoa jurídica", diz Haddad.



Fernando Haddad em entrevista para Míriam Leitão. Foto: Reprodução/Globo News


Apesar do programa de incentivo do governo às fabricantes de automóveis, a Volkswagen comunicou nesta última terça-feira (27) a paralisação temporária da produção de carros em suas fábricas no Brasil. Segundo a organização, a razão é a "estagnação do mercado".

“O que aconteceu foi curioso, porque nós não esperávamos que as pessoas físicas fossem esgotar o crédito na aquisição dos seus carros menos poluentes, e foi o que aconteceu. Esgotaram todo o crédito que foi dado pelo programa”, diz o ministro.

 

Desconto para veículos

O desconto para compra de carros varia de R$ 2.000 a R$ 8.000 no preço de veículos de até R$ 120.000. No total, o governo destinou R$ 1,5 bilhão para o programa. Eles serão distribuídos da seguinte forma:

  • R$ 500 milhões para automóveis
  • R$ 700 milhões para caminhões
  • R$ 300 milhões para vans e ônibus

    Segundo a Federação Nacional da Concessionária de Veículos Automotores (FENABRAVE), entidade que representa cerca de 7.400 concessionárias de veículos, houve um aumento na demanda por carros populares desde que o governo federal anunciou as medidas. Em quase três semanas, 84% dos recursos para financiar o programa do governo para baratear os carros das pessoas já foram gastos.

 

Medidas preliminares

O governo publicou uma medida provisória que introduziu um programa de descontos para a compra de carros novos em 6 de junho.

  • Carros com preços até R$ 120.000 podem ter descontos de R$ 2.000 a R$ 8.000. São sete faixas de desconto (R$ 2 mil; R$ 3 mil; R$ 4 mil; R$ 5 mil; R$ 6 mil; R$ 7 mil e R$ 8 mil);
  • O desconto será descontado do valor final do veículo. Poderão haver outros descontos a critério das montadoras;
  • O tamanho do desconto vai variar de acordo com três critérios: menor preço, maior eficiência energética (carros menos poluentes); maior densidade industrial (capacidade de geração de empregos). Quanto maior a pontuação do modelo nos três critérios, maior o desconto;
  • Até 21 de junho, os descontos são válidos apenas para pessoas físicas.

O programa também se aplica à compra de ônibus e caminhões. Nesse caso, os descontos totais variam de R$ 33,6 mil a R$ 99,4 mil (o desconto é maior para veículos mais caros). Para ter acesso ao desconto, o solicitante ou empresa deve sucatear um caminhão ou ônibus com mais de 20 anos.

Foto Destaque: O vice-presidente Alckimin e o presidente Lula. Reprodução/Alexandre Schneider/Getty Images

 

VEJA TAMBÉM

Zambelli adia apresentação de pedido de impeachment de Lula Lorena Bueri

Zambelli adia apresentação de pedido de impeachment de Lula

Pedido de impeachment de Lula é adiado em busca de mais apoio parlamentar, enquanto a controvérsia em torno das declarações do ex-presidente aumenta
Lula e Secretário de Estado dos Estados Unidos conversam a respeito da política global Lorena Bueri

Lula e Secretário de Estado dos Estados Unidos conversam a respeito da política global

Embaixada dos Estados Unidos informou o encontro entre o presidente Lula e o Secretário de Estado dos Estados Unidos, Blinken, ambos discutiram sobre Gaza e Venezuela
Petição de impeachment do presidente Lula bate recorde de assinaturas  Lorena Bueri

Petição de impeachment do presidente Lula bate recorde de assinaturas

Parlamentares se reúnem para o pedido de impeachment de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), após declaração do presidente para a imprensa em relação a atuação de Israel na Faixa de Gaza
'Pessoa non grata': tensão entre Lula e governo israelense se intensifica Lorena Bueri

"Pessoa non grata": tensão entre Lula e governo israelense se intensifica

Presidente brasileiro foi mais uma vez cobrado a fazer um pedido de desculpas formal aos judeus e ao governo de Israel pelas recentes declarações sobre a invasão à Gaza
Lula foi recebido por Netanyahu em Israel há 14 anos em contexto amistoso com o país Lorena Bueri

Lula foi recebido por Netanyahu em Israel há 14 anos em contexto amistoso com o país

Lula, em 2010, foi o primeiro presidente do Brasil a visitar Israel, em meio a tensões diplomáticas, porém, com uma relação mais amistosa que contrasta com sua atual situação de "persona non grata"
Enzo Celulari fala sobre desentendimento com Sasha Meneghel e João Figueiredo Lorena Bueri

Enzo Celulari fala sobre desentendimento com Sasha Meneghel e João Figueiredo

Enzo negou as notícias divulgadas sobre um possível comentário envolvendo Sasha e o marido João Figueiredo que teriam deixado de lado a amizade após possíveis comentários
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo