Vinho é benéfico para a saúde ?

Publicado 27 de Oct de 2020 às 14:30

O vinho é uma bebida milenar e com ela guarda-se muitos segredos. Muito consumido no inverno, a bebida se torna comum entre seus amantes, mas será que faz bem ao organismo mesmo ? O que se escuta no cotidiano é que uma taça de vinho por dia faz bem para a saúde, e é verdade. De acordo com especialistas, uma taça de vinho por dia pode gerar inúmeros benefícios à saúde graças às substâncias presentes na bebida.

De a cordo com o site Divvino Blog, a maior concentração de polifenóis na bebida está diretamente ligada à coloração escura da casca. Portanto, para quem quer aproveitar os benefícios dos vinhos à saúde, o ideal é optar por variedades tintas, como Cabernet Sauvignon, Malbec e Merlot. Opções como Pinot Noir e Grenache, que são uvas tintas, porém com a casca mais clara, não trazem tanto benefício quanto as demais. O mesmo vale para os rosés, que são um “meio-termo” entre brancos e tintos.

Leia mais: Açaí e seus benefícios para a saúde


mulheres: até 24g de álcool, o que dá aproximadamente 200ml de vinho de 12% de graduação alcoólica; •	homens: até 42g de álcool, o que corresponde a 350ml em vinho de 12% de teor alcoólico. (Foto: Reprodução/Metrópoles)

O recomendado é mulheres: até 24g de álcool, o que dá aproximadamente 200ml de vinho de 12% de graduação alcoólica; homens: até 42g de álcool, o que corresponde a 350ml em vinho de 12% de teor alcoólico. (Foto: Reprodução/Metrópoles)


Benefícios do vinho para a saúde

Lucas Simões, que é enólogo e embaixador da marca Famiglia Valduga, listou em seu site os benefícios da bebida ao organismo. Confira: 

Aumento da resistência das fibras colágenas 

O resveratrol, auxilia no aumento da resistência das fibras colágenas. Essas fibras são responsáveis por dar sustentação aos tecidos do corpo, como pele e artérias. Dessa maneira, podemos dizer que o vinho exerce um efeito protetor sobre as paredes dos vasos sanguíneos, tornando-as mais resistentes aos rompimentos e outros problemas nesse sentido.

Menor formação de coágulos

Os coágulos sanguíneos são a forma sólida do sangue. Por algum motivo, em vez de o sangue ser fluido, há pedaços dele partes sólidas presas às veias. Essa condição pode causar trombose, que é o entupimento de veias grandes impedindo o fluxo sanguíneo causando dor e inchaço, e tromboembolia, que é quando o coágulo se desprende e entope alguma artéria do coração ou pulmão. A bebida inibe a formação do coágulo, pois além de dilatar as artérias, também atua como um anticoagulante natural, reduzindo a formação de placas arteriais.

Favorece funções digestivas

Harmonizar um vinho com a refeição não é apenas questão de saber apreciar a bebida. Na verdade, ela auxilia e muito nas funções digestivas, sendo então ótima para ter uma boa digestão. Isso acontece por vários fatores, observe:

. Diminui o movimento peristáltico dos intestinos fazendo com que as enzimas digestivas possam trabalhar corretamente;

. Estimula a vesícula biliar a liberar mais bile para a digestão das gorduras dos alimentos;

. Melhora a digestão dos açúcares, assim as células têm maior sensibilidade à insulina.

Retardo do envelhecimento celular e orgânico

Tem poder de combater o envelhecimento precoce. Isso quer dizer que, além de melhorar a qualidade da cútis, por exemplo, todo o corpo se beneficia com o retardo do envelhecimento celular. Dessa maneira, mais de 50 enfermidades podem ser prevenidos, como cânceres e doenças degenerativas.

Proteção ao coração

Esse, talvez, seja o benefício do vinho e saúde que a maioria das pessoas conhece. Provavelmente você já deve ter ouvido falar que uma taça de vinho por dia faz bem ao coração. A bebida age de diversas maneiras no organismo que fazem com que o sistema cardiovascular fique mais protegido. 

Prevenção das placas de ateroma

O colesterol ruim pode aderir às paredes das artérias formando placas de ateroma. Dessa maneira, outros componentes sanguíneos também se depositam ali, como coágulos de sangue e glicose. Isso pode elevar a pressão arterial e aumentar os riscos de trombose e embolia.

Assim, o vinho previne esse problema de duas formas: reduzindo a formação dessas placas, por diminuir o colesterol ruim e aumentar o bom, e pelo aumento da resistência das paredes das artérias.

Controle da pressão arterial

As placas de ateroma e o enrijecimento das artérias são grandes responsáveis pelo aumento da pressão arterial. Essas condições estreitam o diâmetro dos canais, aumentando a pressão dentro dos vasos sanguíneos. Como o vinho é capaz de prevenir e reduzir esses fatores, ele também é um ótimo aliado no tratamento da hipertensão (pressão alta) e na prevenção dessa enfermidade.

Prevenção e tratamento da diabetes

Um estudo comprovou que o álcool pode melhorar a sensibilidade à insulina fazendo com que o nível de glicose no sangue diminua. Outra pesquisa concluiu que tomar uma taça de vinho tinto ou branco por dia é capaz de reduzir as taxas de glicose no sangue em jejum. Além do mais, em pacientes idosos e diabéticos, ele reduziu em até 80% as chances de morte por doenças isquêmicas do coração.

Reduz a depressão

Apreciar um excelente vinho traz muito prazer e sensação de relaxamento. Contudo, não é somente por isso que a bebida reduz os riscos de depressão. Pequenas doses diárias de álcool, principalmente de vinho tinto, reduzem a incidência da doença.

Prevenção de demais doenças

Por conta das incríveis propriedades dos seus mais diversos componentes, o consumo regular de vinhos pode prevenir uma infinidade de doenças. 

. Osteoporose: O resveratrol auxilia na melhora da densidade dos ossos, tornando-os mais resistentes;

. Infertilidade: O vinho tinto favorece a reserva de óvulos nos ovários, com mais óvulos, melhores as chances de engravidar;

. Tumores: A bebida pode retardar o crescimento das células de câncer de próstata e de mama, além de inibir o desenvolvimento de tumores bucais;

. Alzheimer: O consumo da bebida pode reduzir a deterioração da memória e alterações no cérebro.


Os cuidados com a bebida

O vinho não é somente benéfico, por se tratar de uma bebida alcóolica é importante beber sempre com moderação. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), não há limites seguros específicos para o consumo de álcool.
Segundo pesquisas, beber um copo por dia durante um ano aumenta em 0,5% o risco de sofrer câncer, doenças cardiovasculares, Acidente Vascular Cerebral (AVC) e cirrose. Além disso, o risco de acidentes e de violência aumentam com o consumo do álcool.
Mesmo que tenha grandes benefícios, o excesso de vinho pode fazer mal. Por isso, o ideal é que, ao optar pelo consumo da bebida, uma dieta saudável e exercícios físicos sejam mantidos!

(Foto Destaque: O vinho é benéfico para a saúde ? Reprodução/Freepik)

 

Deixe um comentário