Esportes

Brasil termina 2022 em 11° lugar no "ranking olímpico"

Conquistando sete medalhas de ouro, seis de prata e dez de bronze nos Campeonatos Mundiais de 2022, o Brasil ocupa a 11ª posição do quadro que soma resultados das modalidades olímpicas.

3 min de leitura
27 Dez 2022 - 15h43 | Atualizado em 27 Dez 2022 - 15h43

Faltando menos de dois anos para os Jogos Olímpicos de Paris, o Brasil ocupa a décima primeira posição no quadro global de medalhas. A projeção considera os resultados dos 48 Campeonatos Mundiais disputados pelo país em 2022 e, assim, esboça um panorama hipotético.

Se uma edição olímpica acontecesse hoje, os Estados Unidos terminariam em primeiro lugar, seguidos, no pódio, pela China e pelo Japão. O Brasil, por sua vez, estaria na 11ª colocação.

Concorrente de peso em disputas esportivas, a Rússia aparece zerada na representação, já que não participou de nenhum Campeonato Mundial ocorrido em 2022. Devido à Guerra com a Ucrânia, que está ativa desde fevereiro, o país recebeu sanções de praticamente todas as Federações Internacionais. 


Quadro de medalhas 2022 (Reprodução/Globo Esporte)


Caso os russos realmente fiquem de fora das Olimpíadas de 2024, nove das dez primeiras posições da competição já estão definidas. EUA e China, ambas superpotências dos esportes, devem estar ao lado das recém-sedes Grã-Bretanha e Japão. França, Austrália, Itália e Holanda completam a previsão, deixando o último lugar do top 10 disponível. 

Além do Brasil, Coreia do Sul, Canadá e Espanha são outros fortes adversários na disputa pela décima colocação. Enquanto o país asiático tem se destacado em competições de taekwondo e tiro com arco, os demais conquistaram proporcionalmente mais medalhas no total que de ouro. Turquia e Romênia, por outro lado, podem não conseguir repetir o bom desempenho obtido em 2022. 

 

Medalhas do Brasil em 2022

Ouro: Ana Patrícia e Duda (vôlei de praia), Alison dos Santos (400 metros com barreiras, no atletismo), Filipe Toledo (surfe), Mayra Aguiar (categoria até 78kg, no judô), Rafaela Silva (categoria até 75kg, no judô), Rayssa Leal (skate street) e Rebeca Andrade (categoria individual geral, na ginástica artística). 

Prata: Equipe de vôlei feminino, Victor Felipe e Renato (vôlei de praia), Beatriz Souza (categoria acima de 78kg, no judô), Ítalo Ferreira (surfe), Isaquias Queiroz (1000 metros na canoagem) e Beatriz Ferreira (categoria até 60kg, no boxe). 

Bronze: Equipe de vôlei masculino, André e George (vôlei de praia), Letícia Oro (salto em distância, no atletismo), Daniel Cargnin (categoria até 73kg, no judô), Guilherme Costa (400 metros livres, na natação), Ana Marcela (águas abertas, na natação), Luiz Francisco (skate park), Rebeca Andrade (solo, na ginástica), Arthur Nory (barra fina, na ginástica) e Milena Titoneli (categoria até 68kg, no taekwondo).

 

Foto Destaque: Brasil termina 2022 em 11° lugar no “ranking olímpico”. Reprodução/O Globo.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo