Esportes

Brasil garante 19 medalhas e iguala feito histórico em Olimpíadas

Nas Olimpíadas de Tóquio 2020, o Brasil garante feito histórico que conquistou nos Jogos do Rio, em 2016, quando ganhou 19 medalhas no geral. A delegação brasileira já conquistou 16 medalhas, já tem três garantidas.

3 min de leitura
05 Ago 2021 - 12h31 | Atulizado em 05 Ago 2021 - 12h31

Com a medalha de ouro de Ana Marcela Cunha, na maratona aquática, a prata de Pedro Barros, no skate park e Beatriz Ferreira e Hebert Conceição garantindo no mínimo a medalha de prata, o Brasil conquistou uma marca histórica. Com 19 pódios assegurados, a delegação brasileira chega ao seu melhor desempenho em uma Olimpíada longe de casa, superando o desempenho nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, e Pequim, em 2008, quando teve o total de 17 medalhas.


Ana Marcela Cunha conquista o ouro na maratona aquática - Jonne Roriz/COBAna Marcela Cunha é ouro na maratona aquática - Jonne Roriz

Ana Marcela Cunha é ouro na maratona aquática - Jonne Roriz


Atualmente o Brasil tem 15 medalhas nas Olimpíadas de Tóquio 2020, segue elas:

 

4 medalhas de ouro;

6 medalhas de prata;

9 medalhas de bronze;

https://lorena.r7.com/post/Volei-masculino-Brasil-vence-Japao-por-3-a-0-e-avanca-para-semifinal

https://lorena.r7.com/post/Atletismo-Thiago-Braz-conquista-o-bronze-apos-cinco-anos-fora-da-elite-da-modalidade

https://lorena.r7.com/post/Brasil-ganha-do-Mexico-nos-penaltis-e-vai-para-final-das-Olimpiadas-de-Toquio-2020

 

O dia de glória do Brasil iniciou na madrugada de terça-feira (3), com a medalha de bronze de Alison dos Santos, o 'Piu' na pista de atletismo nos 400m com barreiras. Depois foi para os ringues, com o bronze de Abner Teixeira no boxe, e pelas águas, Martine Grael e Kahena Kunze trouxeram o ouro na vela. Mais cedo, pela manhã, Thiago Braz, ouro nos Jogos do Rio-2016, conquistou o bronze no salto com vara.

 

Na quarta-feira (4), o Brasil seguiu conquistando medalhas e finais. No skate park, Pedro Barros brilhou e conquistou a medalha de prata. No boxe feminino, Beatriz Ferreira ganhou de boxeadora finlandesa, garantindo sua vaga na final do torneio. No boxe masculino, Hebert Conceição ganhou do russo Bakshi e garantiu também sua vaga na grande final da competição.


Martine Grael e Kahena Kunze medalha de ouro na vela - ReutersMartine Grael e Kahena Kunze medalha de ouro na vela - Reuters


Além das medalhas já citadas, o Brasil já garantiu mais 3 medalhas, só não sabemos ainda em qual lugar do pódio ficaremos. Os já citados boxeadores brasileiros que garantiram sua vaga na final das Olimpíadas, temos também no futebol masculino, a seleção brasileira se classificou para a final contra a Espanha, que será sábado (7), às 8h30 (horário de Brasília).


Hebert durante luta em Tóquio - Reuters

Hebert durante luta em Tóquio - Reuters


Com as 16 medalhas conquistadas e as outras três citadas acima já garantidas, faltam duas medalhas para ultrapassar a marca da Rio-206, quando o Brasil conquistou 18 medalhas. A torcida brasileira têm motivos de sobra para acreditar no recorde, com chances no vôlei feminino e masculino, com Isaquias Queiroz, na canoagem individual.

 

Hoje, na quinta-feira (5), o Brasil se encontra na 16ª colocação. A liderança segue com os chineses, seguidos pelos americanos e os japoneses, anfitriões dos Jogos.

 

(Foto destaque: Brasil tem seu melhor início de Olimpíadas e chance de feito histórico - Reprodução/br.bolavip.com)

Deixe um comentário