Saúde e Bem Estar

Perdeu a segunda dose da vacina contra a covid-19? Saiba o que fazer

Três das quatro vacinas contra a Covid-19 disponibilizadas no Brasil, dependem da segunda dose para sua eficácia. Saiba o que fazer se perdeu o prazo de vacinação.

3 min de leitura
14 Ago 2021 - 11h30 | Atulizado em 14 Ago 2021 - 11h30

Nesta terça-feira (10), o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, declarou que cerca de 7 milhões de pessoas estão com a segunda dose da vacina contra o Covid-19 atrasadas.

O Plano Nacional de Imunizações (PNI) oferece, atualmente, quatro vacinas (CoronaVac, Pfizer, AstraZeneca e Janssen) disponibilizadas em todo o território nacional, sendo a Janssen, a imunizante com dose única. Todas as outras vacinas devem ser tomadas pela segunda vez, para concluir o ciclo de imunização contra o vírus da SARS-CoV-2, da Covid-19. Vale ressaltar que a vacina da segunda dose deve ser a mesma tomada na primeira, ou seja, ao ser imunizado com CoronaVac, terminantemente, sua segunda dose também deverá ser CoronaVac.

Quando devo tomar a segunda dose?

Vacina AstraZeneca: intervalo de 3 meses entre as duas doses.

Vacina CoronaVac: intervalo de 1 mês entre as duas doses.

Vacina Pfizer: intervalo de 3 meses entre as duas doses.

Vacina Janssen: apenas uma dose é eficiente.

ConecteSUS

Caso tenha perdido a carteirinha de vacinação, ou esquecido a data em que tomou a primeira vacina, você pode acessar o ConecteSUS, um aplicativo para smartphones do Ministério da Saúde. Para obter acesso é necessário preencher um cadastro, e logo, sua informação de vacinação, incluindo qual vacina foi aplicada, lote, e nome do posto de saúde estarão ali.


ConecteSUS permite que a população tenha acesso a carteira de vacinação digital. (Foto: Tony Winston/MS)


Se acaso você estiver com sintomas de resfriado na data da sua segunda dose, os médicos recomendam que espere alguns dias até o desaparecimento dos sinais. Em seguida, vá ao posto de saúde mais próximo e receba a segunda aplicação contra a Covid-19.

https://lorena.r7.com/post/Nova-variante-de-covid-19-surge-nos-Estados-Unidos

https://lorena.r7.com/post/Apos-Chile-e-Uruguai-Brasil-estuda-aplicar-terceira-dose-da-vacina-Coronavac

https://lorena.r7.com/post/Vacina-Quase-10-milhoes-de-doses-paradas-em-Guarulhos-comecam-a-ser-movimentadas-lentamente

Preciso repetir minha primeira dose?

Não há necessidade de repetição.

Segundo Jean Gorinchteyn, secretário estadual de Saúde de São Paulo, "Quando eu tomo a primeira dose eu produzo anticorpos, quando eu faço a segunda dose, as células da memoria intensificam a produção de anticorpos e passam a proteger mais. Esse intervalo, mesmo que ampliado, tem garantia de eficácia e proteção".

Portanto, caso tenha tomado a vacina que necessite a repetição, após o intervalo recomendado, aplique a segunda dose e complete o ciclo de imunização para aumentar sua defesa e assim combater a covid-19.

(Foto destaque: Reprodução/Gustavo Vara)

 

Deixe um comentário