Mulheres no cinema: diretoras batem recorde com maiores bilheterias em 2020

Publicado 04 de Jan de 2021 às 23:23

Com uma marca significativa nos filmes mais lucrativos de 2020, mulheres conquistam 16% da lista dos 100 filmes com maior bilheteria, em Hollywood, segundo um estudo publicado pela Variety. O estudo foi desenvolvido pela Universidade de San Diego, sendo os dados contabilizados pelo Centro para o Estudo das Mulheres na Televisão e no Cinema da instituição. 

Leia mais: Patty Jenkins, diretora de Mulher-Maravilha 1984, não sabe se fará o terceiro filme da franquia

Apesar dos números parecerem pequenos, a universidade constatou um aumento significativo, principalmente entre 2020 e 2018. Atualmente, as diretoras conquistaram 16%, em 2019, no entanto, a porcentagem foi de 12%. Já em 2018, esse número era 3 vezes menor, tendo elas uma participação de apenas 4% na lista. 

As mulheres representaram 21% de todos os diretores, escritores, produtores executivos, produtores, editores e cinegrafistas que trabalharam nos filmes de maior bilheteria em 2020. No entanto, segundo a pesquisa de "filmes assistidos em casa", o número se torna ainda menor, sendo a representação feminina apenas de 10%.


Chloe Zhao

Chloe Zhao, diretora de Nomadland (Foto: Reprodução/ Taylor Jewell)


"A boa notícia é que já vimos dois anos consecutivos de crescimento para as mulheres que dirigem. Isso quebra um padrão histórico recente no qual os números tendem a subir um ano e cair no outro. A má notícia é que 80% dos melhores filmes ainda não tem uma mulher no comando", explicou Martha Lauzen, que supervisionou a pesquisa, em nota.

Na lista dos 100 filmes com maior bilheteria, em 2020, as mulheres representaram 28% dos produtores, 21% dos produtores executivos, 18% dos editores, 12% dos escritores e apenas 3% dos cineastas. Também foi apontado pelo estudo que filmes com pelo menos uma diretora têm muito mais probabilidade de contratar mulheres para preencher outros cargos importantes no set.

Nos 16% dos destaques de 2020, nomes bastante conhecidos pela indústria cinematográfica se fizeram presentes, como Cathy Yan, de Aves de Rapina, Patty Jenkins, de Mulher-Maravilha 1984, e Chloe Zhao, de Nomadland, que levou o Leão de Ouro no Festival de Veneza e está cotada para levar o Oscar de Melhor Direção. 

(Foto Destaque: Patty Jenkins, diretora de mulher-Maravilha 1984. Reprodução/ Industrial Scripts)

Deixe um comentário