Luiza Sonza desabafa: “Ser mulher é ser julgada pelo simples fato de existir”

Publicado 08 de Mar de 2021 às 12:25

Luiza Sonza, aos seus 22 anos, se consagra com uma carreira estável, mesmo em meio de diversas polêmicas machistas envolvendo seu nome. A cantora surgiu na internet fazendo covers de músicas de sucesso e aos poucos foi ganhando espaço no meio artístico. No entanto, desde o começo de sua carreira, ela lida com comentários de que se aproveitou da influência de seu ex-marido, Whinderson Nunes. E ao assumir seu atual relaciomento com Vitão, os hates aumentaram. E ela cita " Ser mulher é ser julgada pelo simples fato de existir!".

Nesse dia da Mulher, Luiza fala a Quem sobre como foi crescer em sua vida profissional e pessoal, e detalha os desafios do dia a dia para construir a carreira em meio a julgamentos patriarcais. A cantora ainda é criticada por suas roupas, coreografias, comportamentos e até mesmo sua voz. Ela diz "Entendi que o hate diz muito mais dessas pessoas do que sobre mim" e acrescentou "Acho que todas nós mulheres sofremos algum tipo de preconceito ou julgamento pelo simples fato de escolher o que queremos vestir".

Mas isso não a impediu de alcançar seus objetivos. A gaúcha foi listada na Forbes Under 30 aos 20 anos, fez papéis na TV, tem clipes milionários em seu portfólio e ostenta uma vida de luxo. Mas ela ainda almeja novas conquistas e diz "Sigo batalhando para atingir mais e mais espaços. Há muito ainda a conquistar e estou semeando para colher mais pra frente". Ao mesmo tempo, Luiza se posiciona sobre questões de gênero e fala "Pra mim é uma grande responsabilidade e uma causa que defendo com unhas e dentes. Tem muitas mulheres que me inspiram e que me fizeram evoluir de alguma maneira. E hoje, poder fazer parte desse movimento, me deixa feliz. Juntas somos mais fortes e temos um lindo e brilhante caminho pela frente".

Deixe um comentário