Música

Liniker lança seu primeiro álbum solo: ‘Índigo Borboleta Anil’

A cantora Liniker lançou, nesta quinta-feira (9), seu primeiro álbum solo, intitulado como Índigo Borboleta Anil. Com 11 faixas, o disco possui participações especiais de Milton Nascimento e Tassia Reis.

3 min de leitura
10 Set 2021 - 15h02 | Atulizado em 10 Set 2021 - 15h02

Nesta quinta-feira (9), a cantora Liniker lançou seu primeiro álbum após a separação do grupo em que fazia parte, o Liniker e os Caramelows. O novo álbum intitulado como ‘Índigo Borboleta Anil’ possui 11 faixas voltadas para o jazz, samba, pagode, MPB e charme, e possui participações especiais de Milton Nascimento e Tassia Reis.

O grupo Liniker e os Caramelows anunciou a sua separação em fevereiro do ano passado e, desde então, os fãs esperavam por um novo lançamento de Liniker. Após quase dois anos de espera, chegou às plataformas digitais o primeiro álbum solo da cantora e, em entrevista à Folha, ela disse que ‘Índigo Borboleta Anil’ é um disco de amor próprio, é uma grande festa.

É um disco de amor próprio, em que eu precisei entrar em mim e me reconectar com tudo de uma forma muito íntima. Tive que cuidar da minha criança interior e ainda estou cuidando.”, diz a cantora. “É um groove que sempre esteve no meu corpo. A sensação é de que eu estou cantando no meu quintal de casa”, continua ela.


Capa do álbum 'Índigo Borboleta Azul', de Liniker. (Foto: Divulgação/Twitter)


Muito conhecida pelos seus estilos soul e R&B, a cantora trouxe uma pegada diferente no novo álbum, como ‘Vitoriosa’, nona faixa do disco, que consiste em um samba-enredo, em condução realizada pela Orquestra Jazz Sinfônica e com arranjo de Ruriá Duprat.

Em ‘Diz Quanto Custa’, em feat com Tassia Reis, o suingue mais samba-rock também possui um sampler pilotado pelo DJ Niacke e coro da cantora Tulipa Ruiz. Já em ‘Lalange’, a cantora divide a voz com Milton Nascimento e conta detalhes da visita na creche em que estudou.

Liniker estreia como atriz em nova série da Amazon 'Manhãs de Setembro'

Urias fala sobre nova era, amadurecimento e vivência como mulher trans

Gaby Amarantos irá lançar single com Liniker: ‘Amor pra Recordar’

Acho que já me senti muito distante da minha criança interior, mas estou num processo de cura para me reconectar com ela. O sonho de ‘Lalange’ aconteceu mesmo. É uma faixa triste e, de alguma maneira, uma conexão com a Mirtes [Renata Santana de Souza], mãe do Miguel [Otávio]. Estamos cansadas de chorar por mortes de crianças pretas.”, desabafa Liniker, citando sobre o caso do menino que morreu após cair de um prédio de luxo enquanto sua mãe trabalhava como diarista.


Cantora Liniker. (Foto: Divulgação/Caroline Lima)


Liniker, que já teve experiência como atriz e protagonizou a série ‘Manhãs de Setembro’, da Amazon Prime Video, diz que gostaria de atuar mais vezes e não vê a hora de subir nos palcos para cantar seu primeiro álbum solo.

 

(Foto destaque: Liniker lança seu primeiro álbum solo: ‘Índigo Borboleta Anil’. Divulgação/Caroline Lima)

Deixe um comentário