Moda

Le19M: conheça o novo espaço da Chanel

O Le19M é o novo espaço da Chanel em Paris, na França. O edifício dedicado ao Métiers d'art receberá oito ateliês que contam com especialidades da moda de luxo como chapéus, bordados e sapatos

3 min de leitura
09 Dez 2021 - 15h13 | Atualizado em 09 Dez 2021 - 15h13

Na última terça-feira (7), em Paris, na França, a Chanel celebrou a abertura de seu novo espaço: o Le19M. O edifício é dedicado ao Métiers d'art (profissões de arte, em francês), que se trata do desfile da coleção pre-fall da marca. O evento que acontece todos os anos no mês de dezembro é uma forma de homenagear os ateliês que a Chanel tem comprado desde 1984, com a intenção de preservar o artesanato da moda de luxo. O Le19M receberá oito ateliês, que contam com especialidades como chapéus, bordados e sapatos.

 

Juliette usa no Prêmio Multishow 2021 mesmo vestido que Bruna Marquezine desfilou em Milão 2018

É exigido um dress code específico para encontrar a rainha Elizabeth II

Camila Queiroz bate um papo sobre sua relação com a moda íntima


Com a construção iniciada em 2018, o Le19M tem um nome que vem do bairro parisiense em que está localizado, o 19º arrondissement, em Porte d'Aubervilliers. O número 19 é um dos mais emblemáticos da marca, uma vez que se trata do dia de nascimento de sua fundadora, Coco Chanel. Já a letra M é uma referência as palavras “mode”, “mains”, “métiers”, “manufactures” e “maison”.


Espaço Le19M da Chanel (Foto: Reprodução/Instagram)


A atual diretora criativa da marca, Virginie Viard, descreveu o edifício projetado pelo arquiteto Ricciotti como um espaço muito aberto, com a fachada ornamentada com linhas de concreto branco, lindas paisagens que incluem um jardim e uma galeria onde serão promovidas exposições.

Para a inauguração do espaço, a Chanel apresentou uma coleção que ao invés de girar em torno de um tema em especial, como é de seu costume, celebrou as habilidades dos parceiros artesãos dos ateliês, que passarão a ocupar o Le19M.


Desfile Métiers d'Art (Foto: Reprodução/Chanel)


Com uma estética metropolitana e sofisticava, o desfile apresentou roupas com bordados de miçangas coloridas que seguiam o estilo grafite, conjuntos de lã, jaquetas de tweed com mangas feitas de moletom, shorts de malha azul ou roxa e casacos casuais. Além disso, peças de cintura baixa e com a barriga à mostra também marcaram presença entre as tendências apresentadas pela Chanel.



Foto destaque: Métiers d'Art. Reprodução/Chanel

Deixe um comentário