Moda

Estilista Stella McCartney, participa da COP 26

A estilista Stella McCartney fala sobre os desafios da moda atual na COP 26, como a sustentabilidade pode ajudar o meio ambiente através da moda. A indústria da moda é a terceira maior do mundo.

3 min de leitura
04 Nov 2021 - 11h51 | Atulizado em 04 Nov 2021 - 11h51

Stella MCCartney, filha do ex Beatle Paul McCartney, participou da COP 26 nesta quarta-feira (3). A estilista refletiu sobre o futuro da moda e seu impacto no meio ambiente. Segundo a britânica, a indústria da moda deve abandonar o uso do couro animal e evitar desperdícios. "Acho que sou uma das estilistas aqui. E, infelizmente, somos uma das indústrias mais nocivas para o meio ambiente", explicou em entrevista a AFP. Stella trabalha como moda á trinta anos. Chegou a recusar trabalhos com couro e, apesar do ceticismo dos colegas, conseguiu.


Sustentabilidade é o novo desafio para a indústria da moda. (Foto: Reprodução / Picabay)


O Museu e Galeria de Arte Kelvingrove localizado na cidade escocesa de Glasgow, está com uma exposição dos materiais com os quais sua empresa trabalha. Em homenagem um designer. Entre eles, o micélio, extraído diretamente de fungos e pode ser usado para substituir a pele, com o qual podem ser confeccionados sapatos ou bolsas. Outra alternativa para a substituição do couro é o NuCycl. Uma tecnologia capaz, segundo seus criadores, de reciclar infinitamente qualquer tipo de resíduo têxtil, seja natural, como o algodão, ou artificial, como o poliéster. Segundo cálculos do World Resources Institute (WRI). A moda é o terceiro maior setor manufatureiro do planeta, respondendo por entre 2% e 8%. "As pessoas vestem roupas da moda no máximo três vezes antes de jogá-las fora. E isso significa mais de 500 bilhões de dólares em desperdício. Para mim, essa é uma oportunidade de negócio "acrescentou Stella." Temos que fazer as pessoas entendidas que centenas de milhões de animais são todos mortos os anos para a indústria da moda ", e questiona:"Quem quer trabalhar em um matadouro?" .

 

Marca Carolina Herrera completa 40 anos: 'Vestir-se é uma experiência mágica' (r7.com)

Modelo da Chanel, Mari Beltrame, assume novo empreendimento voltado a práticas de yoga e autoconhecimento (r7.com)

Eva Canalonga dá dicas para você definir o seu style (r7.com)

 

Sustentabilidade é um desafio para o mundo da moda. Algumas marcas já estão voltadas para a criação de roupas sustentáveis. Por exemplo, a H&M, coleções coleções de roupas feitas com materiais sustentáveis ​​e tecidos reciclados. A marca brasileira Osklen, utiliza materiais como seda orgânica, algodão orgânico, PET reciclado e tecidos recicláveis.

 

Foto Destaque: Stella MacCartney. Reprodução/Independent

Deixe um comentário