Esportes

David Luiz faz forte cobrança sobre elenco do Flamengo: 'Precisa amadurecer'

Zagueiro do Flamengo assume liderança em corrente de despedida de 2021; David Luiz coloca o dedo na ferida sobre comportamento relaxado em momentos decisivos da temporada.

3 min de leitura
09 Dez 2021 - 20h54 | Atulizado em 09 Dez 2021 - 20h54

Após a derrota do Flamengo para o Santos por 1 a 0, o líder do clube carioca, David Luiz, ainda na saída do gramado do Maracanã, cobrou do elenco "maturidade" e "brio todos os dias". No time desde setembro, as cobranças seguiram para o vestiário, de acordo com publicação do Globo Esporte. 

Sem medir palavras, o camisa 23 deu declarações fortes diante dos microfones tendo como ponto principal a postura relaxada do time por muitas vezes e a "transferência de responsabilidade". Ainda segundo o Ge, David Luiz antes do jogo contra o Santos já tinha pedido à equipe um comportamento diferente do anterior que resultou no empate com o Sport por 1 a 1 quando mais de 40 mil rubro-negros estiveram na partida de despedida do time do Maracanã e sairam sem a vitória esperada.

Antes de chegar ao vestiário, ao Premiere, o zagueiro enfatizou que o grupo ainda precisa amadurecer e que no futebol é necessário ter todos os dias força de vontade. Os companheiros permaneceram em silêncio durante o discurso, o qual, David Luiz indicou pontos que precisam ser mudados em 2022. Ele não teria citado nomes e teria sido educado, porém deixou claro os recados direcionados e os coletivos, de acordo com relatos de algumas pessoas que presenciaram o fato. 


David Luiz, zagueiro do Flamengo. (Foto: Reprodução/Alexandre Vidal/Flamengo).


Segundo o "ge", entre os profissionais do Flamengo existe uma insatisfação com o comportamento de alguns jogadores durante 2021 ao se comparar com 2019. Isto estaria dificultando o progresso dos trabalhos das comissões técnicas que fizeram parte da equipe nos últimos meses.

Comentários também apontam que outro que foi muito enérgico nas cobranças teria sido o treinador Maurício Souza ainda no intervalo contra o Santos. Porém, no segundo tempo, o time sofreu o gol e acabou perdendo a partida.

Entre os pedidos a necessidade dos atletas assumirem cada vez mais, nos momentos ruins vividos ao longo da temporada, sua responsabilidade. Com os técnicos Rogério Ceni e Renato Gaúcho, além de departamentos como o de preparação física no alvo e médico, os jogadores questionavam em muitos momentos, mais internamente do que dividiam o peso dos momentos de pressão.

 

https://lorena.r7.com/post/Com-Douglas-Costa-relacionado-Gremio-encara-o-Atletico-MG-em-jogo-decisivo

https://lorena.r7.com/post/Com-Marcelo-Gallardo-e-Jorge-Jesus-fora-da-lista-Carlos-Carvalhal-e-o-favorito-para-assumir-o-Flamengo

https://lorena.r7.com/post/Charles-do-Bronx-e-Amanda-Nunes-defendem-seus-cinturoes-neste-sabado-11


Dificuldades para se impor e executarem atividades cotidianas foram enfrentadas por auxiliares técnicos como Charles Hembert - de Rogério Ceni -, Alexandre Mendes - de Renato Gaúcho - e Marcelo "Fera" Salles, mesmo que não tenha ocorrido casos escancarados de indisciplina no elenco.

Recentemente, em entrevista à Fla TV, o atacante Michael enfatizou a preocupação de David em orientar os demais colegas e ressaltou que está tendo uma oportunidade de crescimento com os conselhos transmitidos pelo líder. O camisa 19 ainda disse que a experiência adquirida vai proporcionar uma evolução na vida. 

A frustração pela ausência de títulos de relevância no Ninho do Urubu neste ano foi apontada pelo camisa 23 como responsabilidade de todos.

 

Foto Destaque: David Luiz. Reprodução/Marcelo Cortes/CRF

Deixe um comentário