Saúde

Notificações de casos de Zika vírus crescem quase 44% no país

Doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti, já soma mais de 8000 casos e apresentou um aumento de 1.633% no Sudeste do Brasil; infectologista indica que gestantes consultem um médico, mesmo com os mínimos sintomas.

21 Ago 2023 - 23h00 | Atualizado em 21 Ago 2023 - 23h00
Notificações de casos de Zika vírus crescem quase 44% no país Lorena Bueri

As notificações de casos de Zika vírus estão em uma crescente neste ano. Do início de 2023 até 8 julho, foram registrados 8.499, enquanto no mesmo período do ano passado o número era 5.910. Assim, demonstrou um aumento de quase 44%.

As regiões mais afetadas são as localizadas no Sudeste, com um alargamento de 1.633% nos casos, e no Nordeste do país. Entretanto, mesmo na segunda posição do ranking, o sertão brasileiro registrou uma baixa de 40%, com 2.937 ocorrências.

As notificações, contudo, não são casos confirmados e, de acordo com médicos ao g1, devem ser investigadas para constatar oficialmente a doença do mosquito Aedes Aegypti.

Zika vírus: “você pode estar com uma doença silenciosa”, afirma infectologista

Identificada em humanos pela primeira vez em 1953, a Zika é uma arbovirose, ou seja, uma doença causada por vírus e transmitida pela picada do mosquito Aedes Aegypti.

Essa doença possui um tratamento – através de medicamentos - baseado nos sintomas, que geralmente são: dor de cabeça, febre baixa, dores leves nas articulações, manchas vermelhas na pele, coceira e vermelhidão nos olhos.

De acordo com a infectologista da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, Eliana Bicudo, os sintomas de olhos vermelhos, febre e manchas vermelhas atingem somente 20% dos casos, já que a maioria é assintomática.

 “Aí é que está o perigo, você pode estar com uma doença silenciosa, que traz um risco alto para grávidas e pode transmiti-la”.

Riscos para grávidas

O Zika vírus atinge, principalmente, a população gestante, pois esta doença é responsável por transmitir o vírus ao feto, além de causar complicações congênitas – como a microcefalia.


Demonstração e explicação do que é a microcefalia.

Demonstração e explicação do que é a microcefalia. (Foto: Reprodução/Uniprag).


Segundo Eliana, não se tem informações de que a enfermidade possa afetar o bebê em qualquer fase da gestação. Até o momento, os estudos mostram que quando a mãe contraí a doença nos primeiros quatro meses de gravidez, há maior risco de se produzir uma malformação.

Como ainda não existe uma vacina para o Zika vírus, a recomendação da médica é que, com a suspeita, as gestantes se encaminhem ao hospital, mesmo com os mínimos sintomas – que podem ser confundidos com cansaço ou virose.

O Ministério da Saúde também propõe que as mães utilizem produtos repelentes, além de advertir a população sobre o acúmulo de água parada e lixos, a fim de evitar a formação de criadouros.

Foto destaque: Mosquito Aedes Aegypti. Reprodução/Ceferp.

VEJA TAMBÉM

Decisão do STF determina que Ministério da Saúde assegure direitos de pessoas trans no SUS Lorena Bueri

Decisão do STF determina que Ministério da Saúde assegure direitos de pessoas trans no SUS

A decisão do STF garante que pessoas trans sejam atendidas pelo SUS de acordo ao gênero que se identificam
Ministério da Saúde anuncia investimento de R$ 887 milhões em cuidados paliativos  Lorena Bueri

Ministério da Saúde anuncia investimento de R$ 887 milhões em cuidados paliativos

A pasta do Ministério da Saúde anunciou o investimento para a rede do SUS em todo o Brasil, para garantir assistência em pacientes adultos e pediátricos
Ministério da Saúde alerta para riscos de leptospirose após chuvas no Rio Grande do Sul Lorena Bueri

Ministério da Saúde alerta para riscos de leptospirose após chuvas no Rio Grande do Sul

A orientação recomenda que casos de leptospirose causados pelas chuvas no RS devem receber tratamento imediato, sem precisar fazer exames laboratoriais
Ministério da Saúde amplia faixa etária de vacinação da dengue em medida preventiva Lorena Bueri

Ministério da Saúde amplia faixa etária de vacinação da dengue em medida preventiva

Para evitar desperdício, municípios poderão aplicar vacinas com vencimento até 30 de abril em pessoas de 4 a 59 anos; a prioridade será para jovens de 10 a 14 anos
Campanha de vacinação contra dengue tem lista divulgada pelo Ministério da Saúde Lorena Bueri

Campanha de vacinação contra dengue tem lista divulgada pelo Ministério da Saúde

Mais 154 municípios se juntaram à campanha de vacinação, expandindo a proteção para crianças e adolescentes de 10 a 14 anos em mais outras 500 cidades
Ministério da Saúde antecipa vacinações nas regiões Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul Lorena Bueri

Ministério da Saúde antecipa vacinações nas regiões Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul

Começa hoje (25), em algumas regiões, a vacinação contra o vírus da gripe; veículos de informação, juntamente com o Ministério da Saúde, dão alerta, principalmente, aos grupos prioritários
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo