Esportes

Richarlison brilha, Brasil vence da Arábia Saudita e avança nas Olimpíadas

Em última partida da fase de grupos do futebol masculino nas Olimpíadas de Tóquio 2020, o Brasil vence da Arábia Saudita, se classifica paras quartas de finais, com gols de Matheus Cunha e dois de Richarlison.

3 min de leitura
28 Jul 2021 - 22h54 | Atulizado em 28 Jul 2021 - 22h54

Na quarta-feira (28), na partida que começou às 5h da manhã (horário de Brasília), a seleção brasileira venceu a Arábia Saudita por 3 a 1 e carimbou a classificação para as quartas de finais do futebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Os gols foram marcados pelo camisa 9, Matheus Cunha e o camisa 10, Richarlison (duas vezes) e pelo lado dos sauditas, Al-Amri marcou. Com os dois gols marcados hoje, Richarlison se isola na artilharia das Olimpíadas com 5 gols marcados.

 

A vitória classificou o Brasil como líder do Grupo D com sete pontos em três jogos. A Costa do Marfim avançou em segundo e a atual vice-campeã olímpica Alemanha ficou pelo caminho, em um grupo complicado.

 

O Brasil volta a campo para disputar as quartas de finais no sábado (31), às 7h (horário de Brasília), em Saitama, contra a seleção do Egito, que se classificou na segunda colocação do grupo C, eliminando a Argentina. Eliminação essa que os jogadores da seleção não deixaram passar sem dar uma provocada.

 

https://lorena.r7.com/post/Volei-masculino-perde-a-primeira-partida-para-a-Russia-em-Toquio

https://lorena.r7.com/post/Atleta-Japones-que-derrotou-Medina-no-surf-provoca-brasileiros

https://lorena.r7.com/post/Rebeca-Andrade-ganha-favoritismo-para-a-final-na-ginastica


Jogadores do Brasil zoam eliminação da Argentina nas Olimpíadas Imagem: Reprodução/InstagramJogadores do Brasil zoam eliminação da Argentina nas Olimpíadas Imagem: Reprodução/Instagram


Gols

 

Matheus Cunha marcou o primeiro gol da seleção brasileira aos 13 minutos da primeira etapa. Na pequena área, ele cabeceou com estilo um escanteio cobrado por Claudinho pela. O goleiro Al-Bukhari chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para evitar o gol. Al-Amri empatou o placar para a Arábia Saudita aos 26 ainda do primeiro tempo, numa falta cobrada por Al-Faraj pela direita, em mais uma falha na área, ele cabeceou entre Diego Carlos e Daniel Alves na área do Brasil, sem chance para Santos.


Matheus Cunha faz primeiro gol do Brasil contra a Arábia Saudita - Lucas Figueiredo/CBF

Matheus Cunha faz primeiro gol do Brasil contra a Arábia Saudita - Lucas Figueiredo/CBF


O Brasil voltou a ficar em vantagem aos 30 minutos do segundo tempo, com Richarlison. Daniel Alves cobrou falta pela esquerda e a zaga saudita tirou, mas na entrada da área, Bruno Guimarães deu assistência de cabeça e Richarlison finalizou, também de cabeça, sem defesa. O camisa 10 marcou o terceiro do Brasil e seu segundo no jogo aos 47 minutos após bela jogada e assistência de Reinier.

 

Escalações:

 

ARÁBIA SAUDITA: Al-Bukhari; Abdulhamid, Al-Amri, Khalifa Al-Dawsari (Al-Ghannam, aos 43/2ºT), Hindi e Al-Shahrani; Ali Al-Hassan (Mukhtar, aos 15/2ºT) , Al-Faraj (Al-Omran, aos 43/2ºT), Sami Al-Naji (Ghareeb, aos 15/2ºT) e Salem Al-Dawsari; Al-Hamddan (Al-Brikan, aos 30/2ºT). Técnico: Saad Al-Shehri.

 

BRASIL: Santos; Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana (Abner, aos 43/2ºT); Bruno Guimarães (Gabriel Menino, aos 38/2ºT), Matheus Henrique e Claudinho (Reinier, aos 25/2ºT); Antony (Malcom, no intervalo), Matheus Cunha (Gabriel Martinelli, aos 38/2ºT) e Richarlison. Técnico: André Jardine.

 

(Foto destaque: Richarlison brilha, Brasil vence da Arábia Saudita e avança nas Olimpíadas/Lucas Figueredo - CBF)

Deixe um comentário