Núbia Oliiver luta para provar inocência

Publicado 07 de Jun de 2021 às 21:30

Núbia Oliiver está lutando para provar inocência e continuar a viver tranquilamente. A modelo está sendo acusada de aliciar mulheres e traficá-las para prostituição internacional.

 

No último domingo (6), a modelo se pronunciou em entrevista a Roberto Cabrini no Domingo Espetacular, da Record. Chorando, alega que não faz parte de nenhuma quadrilha de tráfico humano e afirma com veemência que também foi enganada e que seu nome teria sido envolvido na polêmica devido a um mal entendido.

Para entender o início de toda essa trama, voltamos no dia 2 de maio quando o programa global “Fantástico” exibiu a matéria intitulada "Operação Harém", que investiga o esquema de exploração sexual e tráfico de mulheres chefiado por Rodrigo Otávio Cotait. Jovens e menores de idade eram selecionadas por ele nas redes sociais, filmadas e negociadas com compradores internacionais. MC Mirella foi citada como uma das vítimas aos seus 17 anos.


Núbia Oliiver em um de seus muitos ensaios sensuais (Divulgação/Instagram)


A participação de Núbia iniciou quando Rodrigo Cotait a procurou por mensagens através do Instagram em 2019, para que ela divulgasse maquiagens a seus seguidores. A artista revela: "Ele pediu para eu entrar em contato com meninas que queriam fazer as ações. Eu recebi os produtos dele, as meninas também iriam receber. Obviamente eu iria ganhar a minha comissão".

Revivendo o assunto, em meio à lágrimas, Oliiver falou que enfrenta o momento mais difícil de sua vida, mesmo já tendo vivido problemas com gravidez, depressão e adversidades financeiras esse foi considerado o maior por lhe trazer muito transtorno. "Só danos, eu perdi amigos, perdi material fotográfico que eu tinha investido dinheiro, perdi patrocinadores, perdi seguidores. E ter feito minha filha passar por esse constrangimento. Pessoas me bloquearam, não queriam falar comigo, ameaças nas redes sociais: 'Vou te matar', 'Sua cafetina', 'Sua aliciadora'", narrou.

https://lorena.r7.com/post/Maisa-Silva-celebra-os-19-anos-em-ensaio-deslumbrante

https://lorena.r7.com/post/Adriane-Galisteu-conta-como-descobriu-traicao

https://lorena.r7.com/post/Juliette-refaz-seu-Queridometro-e-fala-sobre-Viih-Tube-Tem-muito-a-evoluir

A modelo reafirma: "Fui enganada, eu fui passada para trás, como eu não sabia, eu executei o meu trabalho... Se soubesse de qualquer coisa, jamais ia conversar com ele. Eu tenho uma filha. São 28 anos de uma carreira consolidada. Eu não jogaria isso no lixo por nada. Sou inocente", atesta.

Núbia admitiu que enviava fotos sensuais de mulheres para o empresário inclusive as dela pois não via maldade nas imagens. Enquanto isso, tem como meta continuar negando seu envolvimento e desvincular seu nome do esquema.

 

(Foto destaque: Núbia Oliver. Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário