Esportes

Manchester City: Benjamin Mendy recebe sétima acusação de estupro

Lateral francês, Benjamin Mendy, que já respondia por seis estupros, teve o julgamento adiado para o meio de 2022; casos ocorreram entre outubro do ano passado e agosto deste ano, quando o jogador foi preso.

3 min de leitura
23 Dez 2021 - 19h44 | Atualizado em 23 Dez 2021 - 19h44
 

Mais uma polêmica envolve o jogador do Manchester City, Benjamin Mendy, preso desde agosto. O francês recebeu a sétima acusação de estupro, além de responder também por uma agressão sexual. Novamente tendo seu nome supostamente em notícias policiais, uma das supostas vítimas é menor de idade.  A informação é portal inglês Daily Mail.

Nesta quarta-feira foi realizada na Inglaterra uma audiência no tribunal Chester Crown Court onde o lateral foi comunicado sobre a nova denúncia. O ajuntamento de Mendy estava previsto para janeiro, porém foi adiado e deve acontecer em 27 de junho ou 1° de agosto de 2022. Por conta dos trâmites legais a nova acusação que foi entregue na semana passada só veio à tona agora.

 

https://lorena.r7.com/post/Fora-do-Gremio-Borja-fecha-com-o-Junior-Barranquilla

https://lorena.r7.com/post/Atacante-Clayson-esta-na-mira-do-Santos-para-a-proxima-temporada

https://lorena.r7.com/post/Gerson-manda-indireta-para-imprensa-francesa-apos-novas-criticas


Outro pedido de fiança por parte da defesa do atleta foi negado. De acordo com as investigações, cinco mulheres seriam vítimas de crimes ocorridos entre outubro de 2020 e agosto de 2021; o novo caso teria sido praticado em julho deste ano. Em novembro, o lateral recebeu outras duas acusações e a situação se agravou. 

Compareceu também ao banco de réu, Louis Saha Matturie, de 40 anos indiciado pela suposta prática de uma agressão sexual e seis estupros e uma agressão sexual. Matturie também teve negado seu pedido de fiança.


Benjamin Mendy. (Foto: Reprodução/Paul Ellis/AFP)


Mendy foi suspenso pelo Manchester City em agosto quando começaram as investigações. Desde 2017 ele atuava no clube inglês tendo seu contrato - que por sinal.foi o mais caro de um atleta de defesa da história - até o final da temporada 2022/23. Para tirá -lo do Mônaco o City desembolsou 60 milhões de euros.

O rosto de jogador foi retirado das camisetas dos Citzens e campanhas publicitárias. Pelo City, Benjamin Mendy disputou 75 partidas, Deus dias assistências e marcou dois gols. 

 

Foto Destaque: Benjamin Mendy. Reprodução/ GettyImages

Deixe um comentário