Laerte Coutinho piora e é internada na UTI em SP com Covid-19

Publicado 27 de Jan de 2021 às 14:41

A cartunista Laerte Coutinho, de 69 anos, apresentou piora e foi transferida nessa manhã de terça-feira (26)  para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Instituto do Coração (Incor), em São Paulo. Laerte está internada desde 21 de janeiro para o tratamento de Covid-19.

O filho de Laerte, Rafael Coutinho, confirmou a informação em uma publicação em seu Instagram. "A condição piorou lentamente, e ela foi internada na UTI na noite passada. O estado ainda não é grave, mas requer cuidados mais rigorosos. Ela deve ficar por no mínimo mais uma semana lá, e estamos acompanhando dia a dia a evolução, na torcida para que melhore", ele explicou.

"Agradecemos a todos que mandaram mensagens de apoio e carinho, se disponibilizando a ajudar das formas mais variadas. Obrigada, em nome da Laerte, é muito bonito demais ver o amor de todos pelo meu pai", finalizou Rafael.

Leia mais: Eva Wilma apresenta melhora clínica e recebe alta da UTI


Um dos cartoons de Laerte (Foto: Reprodução/Pinterest)


A cartunista testou positivo para Covid-19 na última quinta-feira (21) e alertou seus seguidores do Twitter, publicando a notícia: "Gentes queridas - peguei covid. 'Tou sob bons cuidados e a evolução está satisfatória".

O boletim médico do Incor enviado ao UOL afirmou a internação de Laerte e disse que o artista "permanece consciente e comunicativa, em tratamento medicamentoso e com suporte ventilatório não invasivo, por meio de cateter de alto fluxo".

Leia o boletim completo:

"A cartunista Laerte Coutinho (69), encontra-se internada no InCor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da FMUSP) desde o dia 21 de janeiro último, com quadro de Covid-19 em evolução há 14 dias. Na manhã desta terça-feira (26), ela foi transferida para a UTI Respiratório do Instituto, onde permanece consciente e comunicativa, em tratamento medicamentoso e com suporte ventilatório não invasivo, por meio de cateter de alto fluxo. Responde pelo tratamento clínico da paciente o pneumologista Prof. Dr. Carlos de Carvalho, diretor da UTI Respiratória do InCor e professor titular de Pneumologia da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP)".

(Foto Destaque: Laerte Coutinho. Reprodução/Exame)

Deixe um comentário