Esportes

Brasil perde nos pênaltis para o Canadá e está eliminada das Olimpíadas de Tóquio 2020

Após empate no tempo normal, Brasil perde nos pênaltis para o Canadá e está eliminado do futebol feminino das Olimpíadas de Tóquio 2020. Marta fala sobre seu futuro e se despede de Formiga.

3 min de leitura
31 Jul 2021 - 00h36 | Atulizado em 31 Jul 2021 - 00h36

É o fim do ciclo da seleção brasileira nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Na manhã desta sexta-feira (30), o Brasil perdeu na disputa de pênaltis para o Canadá. Após uma partida onde as seleções alteraram bastante o domínio, o placar final foi de 0 a 0, com destaque para o sistema defensivo brasileiro, principalmente para a zagueira Rafaelle. 

 

A partida foi para as penalidades máximas e terminou com o triunfo das canadense por 4 a 3. Bárbara, que vinha sendo criticada por suas atuações, pegou o pênalti da canadense Sinclair, mas Rafaelle, uma das melhores em campo, errou o pênalti decisivo que eliminou a seleção brasileira.Pelo Brasil, Marta, Debinha e Érika acertaram os pênaltis, mas Andressa Alves e Rafaelle pararam na heroína da disputa de pênaltis, a goleira Stephanie Labbe. Já para o Canadá, todas as jogadoras exceto Sinclair marcaram: Jessie Fleming, Ashley Lawrence, Adriana Leon e Vanessa Gilles.

https://lorena.r7.com/post/Baile-de-Favela-e-podio-das-Olimpiadas-de-Toquio-2020-Rebeca-Andrade-e-medalha-de-prata

https://lorena.r7.com/post/Ex-BBB-Arthur-Picoli-sera-jogador-do-Flamengo

https://lorena.r7.com/post/Tecnico-alemao-de-ciclismo-deixa-as-Olimpiadas-depois-de-fala-racista


Stephanie Labbé defendeu duas cobranças do Brasil na disputa de pênaltis (Foto: Koki Nagahama/Getty Images)

Stephanie Labbé defendeu duas cobranças do Brasil na disputa de pênaltis (Foto: Koki Nagahama/Getty Images)


Marta, camisa 10 e craque da seleção brasileira não fez um bom jogo contra o Canadá e muito por opção da técnica Pia. Na primeira etapa, Marta ficou muito presa a sua função de meia pelo lado esquerdo, tendo a responsabilidade de ajudar na recomposição defensiva da seleção, já que as adversárias conseguiram criar muito por aquele setor. Sem a aproximação de Tamires nas investidas ofensivas, a camisa 10 não conseguiu criar jogadas. Na segunda etapa, Marta jogou mais solta, caindo até para o lado direito, mas o desgaste era nítido e atrapalha nas decisões das jogadas. Na prorrogação, já bastante cansada não conseguiu contribuir para a seleção.


Marta lamenta eliminação do Brasil (Foto: REUTERS/Amr Abdallah Dalsh)

Marta lamenta eliminação do Brasil (Foto: REUTERS/Amr Abdallah Dalsh)


Aos 35 anos, Marta já disputou cinco vezes as Olimpíadas e se tornou em Tóquio a primeira jogadora a marcar um gol em cinco edições dos Jogos Olímpicos. Após o jogo, Marta deu entrevista e disse não saber se vai ou não continuar atuando pela seleção brasileira.

 

"Não sei, não posso te dar essa resposta agora, estou com a cabeça a mil, vou deixar essa resposta para depois. Não dá para dizer no momento, estou muito emocionada. Peço para as pessoas não apontarem o dedo para ninguém, se tiver que apontar para alguém apontem para mim, já estou acostumada.", disse Marta na saída de campo.

 

Marta se emocionou ao prestar homenagem a sua colega de longa data, Formiga. Que está se despedindo das Olimpíadas com 43 anos e após disputar sete edições do torneio."Inspiração para todas as meninas, poderia ter tido um final mais feliz"


Formiga durante partida contra o Canadá pelas Olimpíadas de Tóquio; ela atuou até os 27 minutos do segundo tempo - Foto: Sam Robles/CBF

Formiga durante partida contra o Canadá pelas Olimpíadas de Tóquio; ela atuou até os 27 minutos do segundo tempo - Foto: Sam Robles/CBF


A rainha Marta, que luta muito pela igualdade do futebol feminino, pediu a todos que não desistam da modalidade: "O futebol feminino não acaba aqui".

 

A semifinal será na segunda-feira (2), às 8h, no Estádio Internacional de Yokohama. entre Estados Unidos e Canadá. Vale lembrar que para o Brasil, é apenas a segunda vez na história em que a seleção não entra na disputa por uma medalha desde a chegada do futebol feminino aos Jogos Olímpicos há seis edições.

 

(Foto destaque: Brasil perde nos pênaltis para o Canadá e está eliminada das Olimpíadas de Tóquio 2020 - Sam Robles/CBF)

Deixe um comentário