Tech

Apple cria softaware a fim de combater imagens de abuso sexual infantil em seus aparelhos

Apple, grande empresa do ramo de tecnologia ,valoriza privacidade e segurança de crianças no uso de seus aparelhos implementando software para combater a erotização infantil.

3 min de leitura
09 Ago 2021 - 18h15 | Atulizado em 09 Ago 2021 - 18h15

O compartilhamento ilimitado de imagens explícitas de crianças por meio de smartphones é um dos fatores que contribuem para sustenção de uma sociedade que sexualiza os pequenos e comete abuso contra eles.

Pensando em livrar a vida de inocentes a Apple planeja instalar ,inicialmente nos smartphones dos Estados Unidos, um software que irá permitir a denúncia de casos de abuso e erotização infantil. "Queremos ajudar a proteger as crianças dos predadores que usam ferramentas de comunicação para recrutá-las e explorá-las, e limitar a difusão de pornografia infantil", conta o grupo formado por universitários e professores que estão realizando pesquisas em parceria com a companhia em sua página.


Apple irá garantir segurança de crianças americanas ao utilizarem os dispositivos da empresa.

Apple irá assegurar segurança de crianças por meio de programa que detecta imagens ilegais (Foto :pixabay/Reprodução)

 


O sistema, nomeado "neuralMatch" ,será programado para agir comparando fotografias contidas nos dispositivos da marca com um banco de imagens de abuso sexual infantil criado pelo Centro Nacional para Crianças Desaparecidas e Exploradas dos EUA , e outras instituições que buscam assegurar os direitos das crianças.

O programa então, fará uma análise da galeria de imagens dos telefones, caso detecte que há alguma foto em descumprimento das normais legais , uma equipe de pessoas  da empresa será contatada para verificar o conteúdo e bloquear a conta do usuário. E também , as autoridadas policiais serão acionadas para realizar investigações.

Após ida ao espaço, Jeff Bezos concorda com críticos que chamam turismo espacial de ‘viagens de prazer para ricos’

Apple aposta em parceiros chineses para fabricar os iPhones mais recentes

Empresas do ramo óptico se reinventam fazendo uso da tecnologia, após fecharem as portas das lojas físicas devido à pandemia

Além dessa ferramenta de bloqueio do armazenamento de conteúdo erótico infantil, está sendo projetado também um sistema que irá embaçar e encaminhar avisos quando fotos explícitas forem recebidas por mensagem nos smartphones compartilhados entre pais e filhos ,e os pais poderão receber mensagem uma vez que o filho venha acessar á imagem.

Uma das tecnologias já existentes nos aparelhos da Apple, a assistente de voz Siri , também terá novas funções: oferecer informações de prevenção quando solicitada por crianças ou responsáveis e advertir quando pesquisas de imagens pornográficas infantil ocorrerem. 

Essa nova tecnologia será aplicada gradualmente nas próximas atualização dos sistemas operacionais dos dispositivos Apple.

(Foto destaque: pixabay/Reprodução)

 

Deixe um comentário