Notícias

Vereador do PSOL apresenta as denuncias contra Gabriel Monteiro pra o Conselho de Ética da Câmara Municipal do Rio de Janeiro

O youtuber e ex-PM é acusado de Assédio moral, sexual e estupro por funcionários e ex-funcionários. Gabriel terá cinco dias para apresentar a sua defesa para o Conselho de Ética

3 min de leitura
02 Ago 2022 - 13h25 | Atualizado em 02 Ago 2022 - 13h25

Nesta terça-feira, dia 2, o vereador do Rio de Janeiro, Chico Alencar (PSOL-RJ) irá apresentar para o Conselho de Ética um relatório sobre as denúncias de quebra de decoro  contra Gabriel Monteiro, vereador pelo PL. O documento pede a cassação do mandato de Monteiro.

O documento contém denúncias de funcionários e ex-funcinários do gabinete do parlamentar, que o acusam de assédio sexual, moral e estupro. Gabriel Monteiro foi ouvido pelo conselho de ética, assim como os denunciantes que apresentaram sua versão do caso.

Gabriel terá até a próxima terça-feira, dia 9, para apresentar a sua defesa com todas as suas alegações, provas e testemunhas. Depois, os sete membros do Conselho de Ética vão se reunir e decidir a punição do vereador e levar o caso para ser votado no plenário da câmara de vereadores.

O ex-policial militar já é réu na justiça do Rio de Janeiro por um video vazado, onde pratica atos sexuais com uma adolescente. Também foi denunciado pelo Ministério Público por assédio e importunação sexual contra uma ex-assessora, esse caso também foi aceito pela justiça e ainda está correndo.


Gabriel Monteiro em reportagem no Fantástico (Foto: Reprodução/TV Globo)


Apesar do início do processo pela cassação do mandado, existem movimentações para que Gabriel Monteiro seja apenas suspenso. Pois, mesmo que ele perca o mandato, Monteiro já tinha pretensões de deixar a Câmara Municipal para concorrer a um cargo como Deputado Federal.

A candidatura foi registrada na última sexta-feira, dia 29, e espera a aprovação da Justiça Eleitoral. Caso seja aceita a candidatura, o ex-policial poderá concorrer nas próximas eleições, que acontecem no final do ano, mesmo que tenha seu mandato cassado.

Gabriel Monteiro começou fazendo vídeos para a internet na época em que ainda fazia parte da Polícia Militar, onde ele fazia supostas denúncias de irregularidades pela cidade do Rio de Janeiro. Perfis na internet também o acusam de fraudar seus vídeos, pagando pessoas para cometer irregularidades que ele pudesse “denunciar”.

Foto Destaque: Gabriel Monteiro em sessão na Camara de Municipal. Reprodução/Flávio Marroso/CMRJ

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo