Beleza

Uso indevido dos cremes clareadores trazem riscos à saúde

Produtos médicos que precisam ser usados sob orientação específica. O uso indevido dos cremes clareadores pode apresentar certos perigos.Seus usos devem ser supervisionados.

3 min de leitura
07 Ago 2021 - 20h00 | Atulizado em 07 Ago 2021 - 20h00

O uso indevido dos cremes clareadores pode apresentar certos perigos.Certamente, você já ouviu alguma notícia polêmica sobre cremes clareadores. A questão ainda levanta a pauta étnica sobre o clareamento. Porém,o  que realmente tem relevância é a formulação desses produtos.

Conheça o filtro que não altera a fisionomia ou a cor da pele

Truques de beleza que não devem ser seguidos

Os males de dormir com os cabelos molhados

Nesse caso, trata-se de produtos que não devem ser usados sem a supervisão médica pois podem causar danos permanentes. Saiba mais como funciona os cremes clareadores.


 

Uso indevido dos cremes clareadores trazem riscos à saúde (Foto: Reprodução/Pixabay)


Fernanda Nichelle, dermatologista e altamente conhecida por atender celebridades e pelos resultados naturais da estética, a médica explica como funciona os cremes clareadores: “Ativos clareadores específicos, como a hidroquinona (substância clareadora que promove a morte das células responsáveis pela produção de melanina e que impede a repigmentação da pele, mercúrio e chumbo podem ser encontrados em algumas fórmulas”.

 

Entre os produtos mais usados estão sabonetes, cremes, esfoliantes, pílulas e até injeções destinadas a diminuir a produção de melanina, o pigmento que dá coloração à pele. A médica acrescenta ao comentário: "eles podem causar manchas brancas irreversíveis, alergias, queimaduras e a perda das propriedades naturais da pele".

 

A procura por produtos cada vez mais se multiplica, ou seja, temos cada vez mais mulheres sendo estimuladas a tal procura. Segundo a Forbes, o Brasil é o quarto maior mercado de beleza e cuidados pessoais do mundo, atrás apenas de EUA, China e Japão. Cinco empresas concentram 47,8% do mercado brasileiro, de acordo com o mesmo relatório: Natura & Co, seguida por grupo Boticário, grupo Unilever, grupo L’Oréal e Colgate-Palmolive Co.

 

Já o número de empresas registradas na Anvisa em 2018 era de 2.794, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec). Meninas, fiquem espertas, não existe nenhum método seguro para clarear a pele por completo.  Procure sempre uma dermatologista e converse sobre o seu interesse, não queremos resultados catastróficos.

 

(Foto destaque:Uso indevido dos cremes clareadores trazem riscos à saúde .Foto:Reprodução/Pixabay)

 

 

Deixe um comentário