Money

Taís Araújo diz sobre a importância de falar de dinheiro no dia a dia

No Dia Internacional da Violência contra a Mulher, Taís Araújo fala sobre a importância de apoiar as mulheres para que elas sejam independentes financeiramente, a atriz agora é CEO da própria empresa

3 min de leitura
25 Nov 2021 - 14h54 | Atulizado em 25 Nov 2021 - 14h54

Taís Araújo, há dois anos, resolveu agenciar sua própria carreira, ela deu uma amostra da maneira como quer levar sua vida pessoal e profissional. A atriz, quer retomar sua porção apresentadora, é Head de produtos sociais da Ong Gerando Falcões e trabalha para as 18 marcas que a elegeram como garota-propaganda, como Italac, Banco BV e L’Oréal. Para a L’Oréal, Taís acaba de estampar a campanha StandUp, rodada em diversos países, e que pretende disseminar um treinamento anti-assédio desenvolvido em parceria com a ONG americana Hollaback!. 


Taís Araújo na campanha da L'Oréal. (Foto: Divulgação/L'Oréal)


“No passado, muitas vezes não entendíamos o que era assédio porque a sociedade naturalizava muito isso. Eu mesma passei por momentos que hoje reconheço como assédio sexual. E não só na minha profissão. Na rua, em vários lugares”, disse Taís. A ideia do programa é ajudar testemunhas e vítimas a intervirem e a denunciar com segurança casos de assédio, baseadas no que chamam de 5Ds: distrair, delegar, documentar, direcionar e dialogar. O treinamento está disponível online, é gratuito e pode ser feito por qualquer pessoa. Hoje, Dia Internacional da Violência contra a Mulher, vale lembrar que esse é o tipo de ferramenta que pode ser de ajuda no combate a esse sério problema social.  

 

 Nesse momento, a atriz trabalha também como CEO em sua última criação, a HotMammaque nasceu com o desejo de Taís de encontrar roupas de praia confortáveis para brincar com os filhos, mas que fossem femininas ao mesmo tempo, e está crescendo para se transformar em uma plataforma criada especialmente para mulheres. Nesta mesma plataforma a atriz apoia mulheres a ter independência financeira, e ela explicou porque é tão importante falar sobre dinheiro. “Eu tenho falado muito sobre dinheiro e a minha decisão foi quando eu comecei a pensar sobre equidade salarial entre homens e mulheres, entre pessoas negras e não-negras. Como é que eu vou saber se as pessoas ganham menos ou mais que eu se eu não falar sobre dinheiro? É a partir daí que surgem as discussões sobre a igualdade de remuneração.”, afirmou a atriz.  

 

https://lorena.r7.com/post/Apple-e-Amazon-sao-multadas-por-limitarem-acesso-de-revendedores-na-Italia

 

https://lorena.r7.com/post/Nubank-cria-secao-shopping-com-varios-varejistas-em-seu-aplicativo

 

https://lorena.r7.com/post/Empresario-Joao-Neto-reune-o-maior-time-de-palestrantes-de-2021-em-Florianopolis


 Taís, também falou do porquê vem apoiando as mulheres, especialmente negras, a serem independentes, “Eu ocupei um lugar em que eu tenho uma obrigação moral e social de abrir esse espaço para várias mulheres porque é isso que vai fazer a mudança. Não adianta só eu pertencer a esse espaço e me sentir confortável nele. A mudança vai vir a partir do momento que todas as pessoas possam circular e sentir-se confortáveis em qualquer lugar e onde elas desejarem. Eu quero chegar em um mundo com possibilidades iguais para todos. O meu trabalho é para isso.”, disse.

 

 

 

 

 

Foto destaque:  Taís Araújo - Reprodução/Instagram

Deixe um comentário