Esportes

Sem garantia de permanência no Atlético-MG, Diego Costa é oferecido ao Corinthians

Almejando a briga por títulos em 2022, o Corinthians pode ir ao mercado em busca de reforços e teve o nome de Diego Costa sendo oferecido. Mas o seu alto salário é um entrave.

3 min de leitura
07 Dez 2021 - 21h00 | Atualizado em 07 Dez 2021 - 21h00

A temporada de 2022 nem começou e o mercado da bola segue agitado, segundo o site 'GE', o atacante Diego Costa foi sugerido ao Corinthians, já quie não é uma garantia dele ter a permanência no clube mineiro. A equipe paulista tem problemas em relação ao centroavante, boa parte da torcida contestam o atacante Jô, e existe a possibilidade de investirem em um camisa nove para o próximo ano, já que o clube irá disputar a Libertadores.


A permanência de Diego Costa no Atlético-MG não é garantida. Foto: Divulgação/Atlético-MG


De fato, o nome de Diego Costa agrada aos dirigentes do Cortinthians, mas o principal entrave é o seu alto salário, que é fora dos padrões do clube atualmente. Nessa temporada o Corinthians contratou reforços de peso, como o Willian, Rogér Guedes, Giuliano e o Renato Augusto, e todos eles possuem um salário compatível com o que o clube pode pagar no momento. A única certeza é que o presidente do clube, Duilio Monteiro, pretende e deve fazer a contratação de um jogador para essa posição, ele falou sobre o assunto em novembro em um evento na Federação Paulista de Futebol.


https://lorena.r7.com/post/A-despedida-de-Cano-Vasco-anuncia-saida-do-argentino

https://lorena.r7.com/post/Milan-pega-o-time-misto-do-Liverpool-para-se-classificar-na-Champions

https://lorena.r7.com/post/Apalavrado-com-o-Fluminense-Felipe-Melo-deve-viajar-para-o-Rio-esta-semana


“Isso a gente já deixou claro, (queremos) um centroavante de área, com característica de área, que tenha pivô. O Corinthians tem uma alternativa, hoje só tem o Jô, mas tem os jogadores da base, que estamos olhando bem, o Cauê, o Giovane, o Felipe, então, temos muito claro e decidido de primeiro dar oportunidade para os que a gente têm em casa, o que a gente têm feitos na nossa base, para depois buscar fora”, disse.

“Isso aconteceu lá dentro com o Gabriel Pereira, Roni, Du, Piton, posso estar esquecendo de algum, atletas nossos, João Victor, Raul, jogadores que estavam na base e deram conta do recado. Então, essa é nossa prioridade: primeiro abrir espaço para os nossos. Se a gente não conseguir atender às necessidades, aí partimos para o mercado”, concluiu.

A expectativa dos torcedores alvinegros é de que o Corinthians tenha um time ainda mais competitivo para brigar por títulos, já que nessa temporada ficou bem distante dos concorrentes de cima da tabela.

 

Foto: Diego Costa   Imagem: Divulgação/ Pedro Souza

Deixe um comentário