Bem Estar

Presidente Bolsonaro veta projeto que facilita acesso a medicações orais contra o câncer

Bolsonaro sobre veto a remédios orais contra câncer: "Quem vai pagar a despesa? Congresso precisa derrubar o veto para o bem de milhões de pacientes com câncer que precisam de quimioterapia oral".

29 Jul 2021 - 23h34 | Atualizado em 29 Jul 2021 - 23h34
Presidente Bolsonaro veta projeto que facilita acesso a medicações orais contra o câncer Lorena Bueri

A secretaria geral da presidência, informou na ultima segunda (26), que o presidente Jair Bolsonaro vetou um projeto que iria facilitar a vida da população a ter acesso a remédios orais contra o câncer por meio de planos de saúde.

 A proposta tinha sido aprovada pelo Congresso Nacional no inicio deste mês que visava reduzir exigências para que planos de saúde fossem obrigados a custear tratamentos orais para o câncer.


(Foto:Reprodução/www.camara.leg.br)


 Vetos feitos pelos presidentes aprovados pelo Poder Lesgilativo deverão ser analisados pelos parlamentares que podem manter ou derruba-los.

 Aprovado em junho com 388 votos contra 10 na câmara do Senado. A proposta feita pelo senador Ruguffe (Podemos-DF), foi aprovada em 2020 de forma unanime pelos 74 senadores presentes naquela sessão.

 Segundo o governo o texto do projeto poderia criar discrepâncias no tratamento das tecnologias e no acesso dos beneficiários ao tratamento que necessitam privilegiando os pacientes acometidos por doenças oncológicas.


https://lorena.r7.com/post/Toquio-bate-recorde-de-casos-de-COVID-19-durante-disputa-das-Olimpiadas

https://lorena.r7.com/post/Automedicacao-77-dos-brasileiros-utilizam-medicamentos-sem-prescricoes-medicas

https://lorena.r7.com/post/Popularizacao-no-home-office-contribuiu-para-o-aumento-do-sedentarismo-na-populacao

 


O projeto:

A regra atualmente em vigor prevê que, para o tratamento domiciliar, o medicamento só deve ser pago pelo plano de saúde se for aprovado:

Pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que regula todas as medicações em uso no país;

Pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que regula os planos e seguros médicos.

A ANS, demora mais de um ano para rever a lista dos remédios que os planos são obrigados a pagar o que, segundo defensores do projeto, é um tempo muito longo.

 Se o presidente sancionasse o texto, iria ficar retirada a exigência da inclusão do medicamento dos protocolos da ANS e o plano de saúde teria que fornecer o tratamento a partir do registro da Anvisa.

 O governo também argumentou a obrigação de fornecimento dos remédios pelos planos de saúde em um prazo de 48 horas após a prescrição criaria um acesso privilegiado a novas tecnologias de tratamento para os beneficiários em razão da dispensa da análise da Agência Nacional de Saúde Suplementar.

 Segundo o governo, um outro efeito do projeto seria "o inevitável repasse desses custos adicionais aos consumidores, de modo a encarecer, ainda mais, os planos de saúde, além de trazer riscos à manutenção da cobertura privada aos atuais beneficiários, particularmente os mais pobres".


(Foto destaque: Presidente Bolsonaro veta projeto que facilita acesso a medicações orais contra o câncer. Reprodução/cenariomt.com.br )

VEJA TAMBÉM

Botafogo empata com Aurora e precisa de vitória simples no jogo de volta Lorena Bueri

Botafogo empata com Aurora e precisa de vitória simples no jogo de volta

Botafogo empata com Aurora em jogo tenso, análise revela erros repetidos e a necessidade de uma reviravolta interna para garantir a vitória no próximo confronto
Larcamón assume culpa por eliminação do Cruzeiro e vê revés como aprendizado Lorena Bueri

Larcamón assume culpa por eliminação do Cruzeiro e vê revés como aprendizado

O Cruzeiro foi ao interior da Paraíba e perdeu para o Sousa por 2 a 0, o treinador cruzeirense assumiu a responsabilidade pela eliminação precoce na Copa do Brasil
Botafogo: auxiliar explica substituições e diz acreditar na conquista da vaga em casa Lorena Bueri

Botafogo: auxiliar explica substituições e diz acreditar na conquista da vaga em casa

Evandro Fornari, auxiliar técnico de Tiago Nunes, que foi expulso na partida entre Aurora e Botafogo pela Conmebol Libertadores se manifestou em entrevista coletiva, demonstrando confiança
Tom Cruise termina relacionamento com Elsina Khayrova após conhecer os filhos da socialite  Lorena Bueri

Tom Cruise termina relacionamento com Elsina Khayrova após conhecer os filhos da socialite

Fontes afirmam que o namoro entre o ator e a “Kardashian russa” esfriou depois que o ator conheceu os filhos dela, frutos de um casamento anterior com um oligarca russo
Florinda Meza faz homenagem a Roberto Bolaños, o eterno Chaves Lorena Bueri

Florinda Meza faz homenagem a Roberto Bolaños, o eterno Chaves

No Instagram, a intérprete de Dona Florinda fez uma linda declaração de amor a Roberto Bolaños, na data em que o ator estaria completando 95 anos
Ronaldinho Gaúcho dá show de habilidade e simpatia em programa Turco 'No Limite' Lorena Bueri

Ronaldinho Gaúcho dá show de habilidade e simpatia em programa Turco "No Limite"

No programa "Survivor All Star" ("No Limite"), da emissora turca TV8, o jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho deu show de malabarismos, simpatia e habilidade com a bola
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo