Celebridades

Paulo Gustavo recebe homenagem no 'Dia do Humor'

Aniversário do maior humorista de todos os tempos é contemplado no calendário anual do Rio de Janeiro em projeto de lei sancionado pelo governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro

3 min de leitura
28 Out 2021 - 15h00 | Atualizado em 28 Out 2021 - 15h00

Paulo Gustavo sempre será lembrado no coração dos brasileiros após sua morte causada por complicações da covid-19, que ocorreu no dia 4 de maio deste ano (2021). O ator iria completar 43 anos, no dia 30 de outubro, e foi homenageado com o "Dia do Humor", no Rio de Janeiro.


Paulo Gustavo estava no auge da carreira quando foi vítima de Covid-19. (Foto: Reprodução/Instagram)


O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, sancionou à lei 9440 de 2021, de autoria do deputado Estadual André Ceciliano (PT) e presidente da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro). A lei foi publicada no Diário Oficial na última segunda-feira (25). ”Fica incluído no Calendário Oficial do Estado do Rio de Janeiro o Dia do Humor, a ser comemorado, anualmente, no dia 30 de outubro. A data é uma homenagem ao nascimento de Paulo Gustavo, humorista que eternizou a frase ‘Rir é um ato de resistência!'”, falou o deputado. Vale ressaltar que a homenagem se estende a todos os comediantes e humoristas do país.

https://lorena.r7.com/post/Gilberto-Braga-autor-de-Escrava-Isaura-e-Paraiso-Tropical-morre-aos-75-anos

https://lorena.r7.com/post/Ariadna-desabafa-sobre-situacao-financeira-nas-redes-sociais

https://lorena.r7.com/post/Jade-Picon-se-pronuncia-apos-polemica-com-Gui-Araujo

As homenagens não param por aí: o humorista tem uma rua com o seu nome em Niterói, no Rio de Janeiro e será enredo da escola de samba São Clemente no carnaval 2022. Paulo Gustavo nasceu no dia 30 de outubro de 1978, na cidade de Niterói-RJ, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Consagrou-se no filme "Minha Mãe é uma Peça", no ano de 2013. Sua personagem, Dona Hermínia, foi uma homenagem do ator para a sua mãe. Antes virar filme, “Minha Mãe é uma Peça” brilhou nos teatros do Brasil. Paulo Gustavo se assumiu homossexual ainda na adolescência e casou-se com o médico Thales Bretas no ano de 2015. O casal teve dois filhos, Gael e Romeu, de barrigas de aluguel diferentes. O anúncio do nascimento de seus filhos foi feito através das redes sociais, em agosto de 2019.

 

 

Foto Destaque: Paulo Gustavo. Reprodução/Instagram

 

 

 

Deixe um comentário