Notícias

No último ano, 1 a cada 4 crianças realizam pelo menos três refeições por dia

A pandemia agravou os casos de desnutrição infantil; das crianças atendidas pelo Sistema Único de Saúde, apenas 26% consomem as refeições diárias necessárias.

3 min de leitura
15 Nov 2021 - 11h46 | Atualizado em 15 Nov 2021 - 11h46

A pandemia agravou o número de crianças que realizam pelo menos as três refeições principais do dia. O número, que já estava em queda, chegou a 26% entre janeiro e outubro desse ano, das crianças que foram atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Uma a cada quatro crianças, entre 2 e 9 anos, consomem o café da manhã, almoço e janta. Os dados são do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN), do Ministério da Saúde, obtidos e divulgados pela Globonews, por meio da Lei de Acesso à Informação.

Conforme pesquisas do SISVAN, que avalia a situação alimentar da população atendida pelo SUS, o número de crianças que realizavam as três refeições em 2020 era de 21%. Em entrevista ao G1, o membro do Comitê Científico Núcleo Ciência Pela Infância (NCPI), Naércio Menezes Filho, afirma que a pandemia agravou a desnutrição infantil. Isso aconteceu porque os membros das famílias mais pobres perderam seus empregos e sofreram diminuição da renda no último ano. Essas crianças também tendem a morar nas regiões Norte e Nordeste e geralmente são negras ou pardas.  

 

https://lorena.r7.com/post/Inscricao-no-CadUnico-sera-requisito-em-selecao-para-o-Auxilio-Brasil

https://lorena.r7.com/post/Grandes-Bancos-fecham-18-mil-agencias-em-1-ano

https://lorena.r7.com/post/Estados-Unidos-e-China-discutem-em-plena-vespera-da-Reuniao-Biden-Xi


Apesar da intensificação da fome em decorrência do COVID-19, os números no Brasil vêm aumentando nos últimos sete anos. “O índice de crianças que consomem ao menos três refeições no dia vem caindo porque tivemos uma recessão muito grande a partir de 2015”, é o que diz Menezes Filho, também coordenador do Centro de Políticas Públicas do Insper. Em 2015, 76% das crianças realizavam a quantidade de refeições necessárias. Em 2016, o número foi para 42% e em 2019, 28%. 


Criança comendo chocolate. (Foto: Reprodução/Luís Paes/Globonews)


Segundo o SISVAN, a má alimentação se estabeleceu nos últimos anos. Em 2021, 85% das crianças consomem alimentos ultraprocessados, enquanto 77% consomem frutas e 66% verduras. Também em entrevista ao G1, Virgínia Wefforte, presidente do departamento de nutrologia da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), informa que a renda é um dos principais motivadores. "Mas, quando a gente prescreve para a criança comer frutas, verduras e legumes, a família vai ao varejão e o dinheiro do mês inteiro fica ali pra comida de uma semana. Nos pacotinhos, o dinheiro rende mais”. Com o excesso de alimentos gordurosos e desnutrição, o desenvolvimento infantil é prejudicado. De acordo com Virgínia, até os 5 anos há a programação metabólica, que protege o corpo de doenças. Já dos 5 aos 9 anos, a alimentação é fundamental para o crescimento da criança. Outro dano que a desnutrição causa é a anemia, já que os neurônios são afetados e não há como reverter o coeficiente intelectual. 

O DataSUS, plataforma do Ministério da Saúde, informou que até setembro desse ano, 3.061 crianças morreram por causa da desnutrição. No último ano, o número chegou a aproximadamente 4 mil mortes. Para a presidente do SBP, a escola é uma importante aliada, tanto para o fornecimento de alimentos, quanto no ensino de uma alimentação saudável. Os programas de transferência de rendas também são fundamentais, segundo o economista Menezes Filho. Sem políticas públicas efetivas, "estamos correndo risco de retrocesso por conta da recessão, da pandemia e de políticas equivocadas na saúde, na educação e na assistência”.

 

Foto Destaque: Prato de comida. Reprodução/TV Globo.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo