Notícias

Macron afirma que Putin 'escolheu a guerra quando ainda era possível negociar a paz'

Presidente francês falou que pediu para o chefe de estado russo parar o combate o mais rápido possível, mas Putin preferiu seguir com a ofensiva. Kremlin diz que Putin deu ‘explicação exaustiva’ sobre motivo de invasão.

3 min de leitura
25 Fev 2022 - 07h50 | Atualizado em 25 Fev 2022 - 07h50

Na madrugada desta sexta-feira (25), no horário local, o presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou que o presidente russo, Vladimir Putin, escolheu de forma "deliberada e consciente” iniciar a guerra “quando ainda era possível negociar a paz". Macron se referiu a uma conversa que teve com Putin, por telefone, pedindo o fim do conflito com a Ucrânia.

"Tive uma conversa franca, direta e muito rápida com o presidente Putin, a pedido do presidente [ucraniano] Zelensky, para primeiro pedir-lhe que parasse o combate o mais rápido possível e, especialmente, que se propusesse a discutir com o presidente Zelensky. Foi este o meu pedido, ao qual ele não atendeu", disse Macron.


Os presidentes da Rússia, Vladimir Putin, e da França, Emmanuel Macron, se reunem em Moscou em 7 de fevereiro de 2022. (Foto: Reprodução/ montagem g1)


"Essa conversa não teve efeito. Vocês podem ver, uma vez que o Presidente russo escolheu a guerra”, lamentou o presidente da França. “Mas penso que é minha responsabilidade, em primeiro lugar, tomar tais iniciativas, quando são solicitadas pela Ucrânia e, depois, condenando, sancionando, continuando a agir, mas mantendo um caminho aberto para que, no dia em que as condições sejam cumpridas, possamos obter um cessar-fogo para os ucranianos", continuou.

A conversa aconteceu na noite da última quinta-feira (24), antes de uma reunião com líderes da União Europeia, e a pedido do presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky. Ao telefone, além de Macron pedir a interrupção imediata das ações militares na Ucrânia, ele avisou ao presidente russo que seu país estaria sujeito a “enormes sanções”.

Segundo o governo russo, que também divulgou uma nota sobre a ligação, Putin ofereceu uma "exaustiva explicação" sobre as razões que levaram a Rússia a iniciar a operação contra a Ucrânia. A nota também informou que Macron e Putin concordaram em manter contato.

 

 

Foto Destaque: O presidente da França, Emmanuel Macron, em discurso nesta sexta-feira (25). Reprodução/Eropea Commission.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo