Ludmilla se pronuncia na web após perder processo de racismo contra Val Marchiori

Publicado 26 de Mar de 2021 às 17:05

Val Marchiori recorreu na justiça e venceu o processo de racismo, movido pela Ludmilla. A ação judicial foi aberta em 2016, depois que a socialite falou em TV aberta, que o cabelo da cantora “parecia Bombril”.

A assessoria de imprensa da artista soltou uma nota dizendo que: “é lamentável que a branquitude celebre o horror que é o racismo”.  A equipe jurídica da cantora, também está analisando a decisão para um possível recurso. “Informamos que a assessoria jurídica da artista está analisando a decisão para eventual recurso. É lamentável, ainda, que a ré comemore uma vitória sobre o preconceito como vem fazendo em suas redes sociais”, segundo o que dizia a nota, para o portal Popline.

Anahí denuncia bullying e apresentador pede desculpas

Cleo Pires posta story com namorado e diz ter superado relações tóxicas

Lorena Carvalho dá seu relato de parto do seu primeiro filho com Lucas Lucco


Ludmilla se pronuncia na web após perder processo de racismo contra Val Marchiori (Reprodução: Twitter)


Ludmilla ae mostrou indignada após o resultado do processo contra Val Marchiori (Reprodução: Twitter)


Em sua conta oficial no Twitter, Ludmilla não deixou de se pronunciar sobre a decisão do Juiz, que de acordo com o mesmo, tudo não se passou de “liberdade de expressão”, da socialite. “Sofreu racismo? Fácil. Vai lá e denuncia, lugar de racista é na cadeia, vocês reclamam demais, é só ir pra justiça. Vocês percebem agora que não é fácil como parece? Essa não é a primeira, segunda ou terceira denuncia que eu faço. Eu também não sou a primeira a passar”, desabafou a cantora.

E continuou dizendo sobre a justiça no país. “Por isso infelizmente não sou a única. Eu não me faço de vítima não. Eu sou! Tá provado. Mas a estrutura desse país é tão racista, que eles tem a audácia de recorrer e ainda por cima comemorar no instagram”, escreveu Ludmilla. Ainda mais,  finalizou dizendo que não vai desistir de recorrer no caso. “Mas quer saber? Eu NÃO VOU PARAR. E não é só por mim não! Uma hora as coisas vão ter que mudar. E no que eu puder usar a minha visibilidade pra ajudar nessa mudança, eu juro pra vocês que eu vou!”, afirmou.

No ano passado (2020), Val Marchiori, foi condenada pela justiça do Rio de Janeiro a pagar R$ 30 mil de indenização para Ludmilla, a socialite recorreu da sentença, e agora saiu o resultado da vitória, com a alegação de “liberdade de expressão”.

(Foto destaque: Ludmilla se pronuncia na web após perder processo de racismo contra Val Marchiori. Reprodução: Instagram)

Deixe um comentário