Celebridades

Luana Piovani diz que se arrepende de ter traído Rodrigo Santoro

Luana Piovani afirma que se arrepende muito por ter carregado a culpa na época em que ela e Rodrigo Santoro viveram um relacionamento no final do século passado, entre 1997 e 2000

3 min de leitura
03 Jan 2022 - 21h15 | Atualizado em 03 Jan 2022 - 21h15

Durante um papo com os fãs no Instagram, Luana Piovani relembrou a trama que envolveu o término do seu relacionamento com o ex-parceiro, Rodrigo Santoro. Os dois namoram por três anos, entre 1997 e 2000.

A atriz afirmou que se arrepende do que fez e que sentiu uma imensa culpa. “Me arrependo de ter carregado por tanto tempo uma cruz imensa. Pena que a maturidade leva tempo a chegar. Eu, inocente, não sabia de nada”, afirmou Luana.

“Difícil deve ser carregar o peso de fingir ser quem não se é. Eu sou prática e absolutamente verdadeira. Não gostou, come menos”, disse a ex-mulher de Pedro Scooby sobre não ter receio de agir como age e de ser como é.


Luana Piovani e Rodrigo Santoro namoraram durante o final da década de 1990. (Foto: Reprodução/Divulgação)


Essa não foi a primeira vez que Luana Piovani fala abertamente sobre este assunto. Em outubro do ano passado, a atriz publicou um vídeo no seu canal no YouTube e contou com detalhes sobre o que viveu naquela época.

Já trai e já fui traída. A minha traição foi pública e notória, e o meu "corno" também. Tenho muita dificuldade em lidar com a culpa. Inclusive, a minha história de traição, na verdade, foi traição, mas eu não voltei para casa falando "eu te amo, meu amor" e me deitei na cama. Eu traí, cheguei em casa e falei "deu ruim, vou partir". Não consigo fazer esse número de duas vidas, sabe? De viver duas coisas”, revelou a mãe de Dom, Bem e Liz.

https://lorena.r7.com/post/PK-passa-por-momento-inusitado-com-vazamento-de-gas-em-onibus

https://lorena.r7.com/post/Xama-se-pronuncia-apos-cancelamento-na-internet

https://lorena.r7.com/post/Vou-beija-la-toda-vez-que-a-ver-diz-Xama-sobre-Luisa-Sonza


“Quando eu fui traída, fiquei com tanto ódio que eu espumava. A vontade que eu tinha era de arrancar os olhos da pessoa. Porque eu fui traída, e a essa pessoa que me traiu voltou para casa dizendo "ai, meu amorzinho...". Mas, dito e feito: veio parar na minha mão! E aí que eu fiquei com ódio e pensei: "Como você faz um troço daquele, volta pra casa e se faz de bonzinho? Faça-me o favor!". Eu não tenho essa culpa, porque eu não fiz isso. Eu traí e falei: "Olha só, não foi legal, me perdoa, dei mole, mas vim aqui te dizer que estou partindo". Não fiquei fazendo a "fofita", dizendo "te amo" e traindo a pessoa”, concluiu.

 

(Foto Destaque: Luana Piovani. Reprodução/Fabiano Herrera)

Deixe um comentário