Esportes

Leila assume a presidência do Palmeiras, em uma das fases mais vitoriosa do clube

Uma das responsáveis pela "Era Crefisa", Leila será a nova mandatária do Palmeiras nos próximos três anos e pretende fazer a melhor gestão da história do Alviverde.

3 min de leitura
16 Dez 2021 - 11h14 | Atualizado em 16 Dez 2021 - 11h14

Nesta quinta-feira (16), a empresária Leila Pereira, concedeu sua primeira entrevista como presidente do Palmeiras. A então principal patrocinadora do time assume o comando em uma das fases mais vitoriosas da história do clube.


Cerimônia da posse de Leila Pereira no Palmeiras. (Reprodução/TV Palmeiras/Youtube)


A relação entre o Palmeiras e a Leila começou quando a Crefisa e a Faculdade das Américas; empresas, a qual, Leila era presidente, passaram a patrocinar o Verdão em 2015. Maurício Galiotte, agora ex-presidente do clube, disse que o patrocínio, a abertura do Estádio Allianz Parque e o programa de sócio-torcedores Avanti foram fundamentais para o clube se recuperar e, desde então, começar a ganhar muito títulos.

Nesse período de sete anos de parceria com a Crefisa, a equipe Alviverde somou 7 títulos, sendo as duas conquistas consecutivas da Libertadores, o maior feito da era. O clube nesse tempo também comquistou o Brasileirão, Copa do Brasil e Paulistão. O feito de conquistar a América duas vezes em sequência alcançou uma marca que nem a era "Era Parmalat", uma das fases mais vitoriosa do clube, conseguiu.  Na década de 1990, o Palmeiras firmou um contrato de cogestão do seu departamento de futebol com a empresa de laticínios. Na época, a parceria rendeu, ao Alviverde, 11 títulos em oito anos, sendo o título da Libertadores sendo conquistado no oitavo ano da parceria, em 1999. No ano seguinte o Pameiras também conseguiu chegar na final da competição continental, mas saiu derrotado.


Palmeiras é campeão da Libertadores 2021. (Foto: Reprodução/Juan Ignacio Roncoroni/EFE)


Títulos da Era Crefisa:

2015: Copa do Brasil

2016: Campeonato Brasileiro

2018: Campeonato Brasileiro

2020: Paulistão, Copa do Brasil e Libertadores

2021: Libertadores

Títulos da Era Parmalat:

1993: Paulistão, Rio- São Paulo e Campeonato Brasileiro

1994: Paulistão e Campeonato Brasileiro

1996: Paulistão

1998: Copa do Brasil e Copa Mercosul

1999: Libertadores

2000: Rio- São Paulo e Copa dos Campeões 

 

https://lorena.r7.com/post/Eduard-Atuesta-e-apresentado-no-Palmeiras 

https://lorena.r7.com/post/Idolo-do-Atletico-MG-Reinaldo-considera-o-time-atual-como-o-mais-historico-do-clube 

https://lorena.r7.com/post/Atletico-MG-e-o-campeao-da-Copa-do-Brasil 


Dona da Crefisa e da FAM, Leila se tornou conselheira dentro do clube e, agora presidente, fala em fazer a melhor gestão da história do Alviverde. O contrato com os patrocinadores foram renovados até 2025 em agosto e podem pagar até R$ 120 milhões por ano ao Palmeiras. O valor gira em torno de R$ 80 milhões fixos, com bônus por conquistas. A Crefisa também tem participação nas contratações do clube, como foi o caso de Borja, Deyverson e Dudu. No entanto, o time paulista reconhece esse investimento do patrocinador como dívida e trabalha para diminuí-la, a qual já foi no valor de R$ 170 milhões de reais. A gestão, agora, projeta que, até fevereiro, o valor fique abaixo de R$ 110 milhões.

 

Foto Destaque: Leila Pereira e Maurício Galiotte em cerimônia de posse do Palmeiras. Foto: Reprodução/Ag. Palmeiras.

Deixe um comentário