Celebridades

Johnny Depp tem autorização da justiça para processar a ex-esposa por difamação

O ator Johnny Depp ganhou nesta quarta-feira o direito de dar continuidade ao processo contra sua ex-esposa Amber Heard após difamação e ser acusado de agressor.

3 min de leitura
19 Ago 2021 - 15h57 | Atulizado em 19 Ago 2021 - 15h57

Nesta quarta-feira (18) a justiça dos Estados Unidos autorizou o ator Johnny Depp a dar continuidade ao processo aberto contra sua ex-esposa, Amber Heard por difamação. O artista que fez sucesso sendo ator principal de "Piratas do Caribe" recorre a uma idenização de US$ 50 milhões da ex-companheira pelos danos morais e financeiros sofridos por ele após ela o acusar de agressão doméstica.

 



Johnny Deppe processa Amber Heard (Foto: Reprodução/Dhaka Tribune)


 As acusações contra o ator vieram atrvés de Amber após o fim do casamento dos dois, que tevei início em 2015 e acabou em 2017. Johnny Depp nega as alegações feita pela atriz. O aval das autoridades norte-americana para dar início ao processo foi divulgado pelo site "People".

 O processo feito contra o ator foi centralizado em um texto publicado por Heard no jornal "The Washington Post" em 2018, onde a atriz fala sobre a experiência vivida com a violência doméstica. Em nenhum momento ela menciona o nome de Johnny Deep no artigo publicado, porém como já havia feito acusações após o divórcio, ficou nítido que Amber estava se referindo aos atos de violência praticados por ele.

 De acordo com site "People", o processo judicial irá para julgamento após o assentimento dado por um juiz do estado da Virgínia. Os representantes da atriz procuraram impedir que o processo fosse pra frente após um caso semelhante envolvendo ela e o ex ser julgado no Reino Unido e o ator ter perdido.

https://lorena.r7.com/post/Quimica-entre-Bruna-Marquezine-e-Ricky-Tavares-chamam-atencao

https://lorena.r7.com/post/Juliana-Paes-cai-em-golpe-e-perde-R-500-mil

https://lorena.r7.com/post/Mateus-Carrieri-diz-sobre-cirurgia-na-prostata-Estava-apreensivo-e-com-medo

 O processo, que aconteceu em Londres, Johnny Depp solicitou indenizaçõa do Jornal "The Sun" após ser acusado de "agressor de esposa" pela publicação feita em prol às acusações de Heard. A justiça do país deu vitória ao tablóide no julgamento e apontou as acusações da atriz como "substancialmente verdadeiras". 

 Devido as acusações de sua ex-esposa, o ator foi afastado das franquias de "Animais Fantásticos, Onde Habitam e Piratas do Caribe". Recentemente ele disse ser alvo de um boicote de Hollywood devido as alegações de Amber.





(Foto destaque: Johnny Deep ganha sinal verde para processar a ex-esposa Amber Heard. Reprodução/Getty Imagens)

Deixe um comentário