Esportes

Jogador de clube da primeira divisão é preso suspeito de abuso sexual

Sigurdsson, jogador do Everton, da Premier League, é acusado de abuso sexual infantil, foi preso na sexta-feira (16), prestou depoimento e saiu após pagar fiança; Clube, em comunicado, que o atleta foi afastado do elenco.

3 min de leitura
20 Jul 2021 - 22h00 | Atulizado em 20 Jul 2021 - 22h00

Um jogador do Everton, time da Premier League, primeira divisão do futebol inglês, está sendo investigado pelas autoridades locais por uma suspeita de abuso sexual infantil. Durante a manhã de terça (20), o Everton divulgou um comunicado, em sua rede social, confirmando o afastamento do jogador do elenco por uma investigação criminal.


Investigação prosseguem na Inglaterra | Foto: Divulgação / CP

Investigação prosseguem na Inglaterra | Foto: Divulgação / CP


"O Everton confirma que suspendeu um jogador de seu elenco principal em razão de uma investigação policial em andamento. O clube seguirá auxiliando as autoridades e não fará mais comentários no momento", diz a breve nota do clube.

https://lorena.r7.com/post/GP-da-Inglaterra-polemica-batida-entre-Lewis-Hamilton-e-Max-Verstappen-e-criticas-Pilotagem-suja

https://lorena.r7.com/post/Vice-geral-do-Fluminense-Celso-Barros-faz-post-criticando-PH-Ganso-Ganso-e-sonso

https://lorena.r7.com/post/Vasco-anuncia-Lisca-como-novo-treinador

Segundo o jornal inglês "Daily Mirror", a polícia de Manchester prendeu na última sexta-feira (16) um jogador de um clube da Premier League, sob suspeita de abuso sexual infantil. O atleta em questão teria 31 anos, constantemente convocado a seleção de seu país e teria movimentado milhões em transferências e salários no futebol europeu.

O Everton tem a presença de três brasileiros em seu elenco: o volante Allan, de 30 anos, e os atacantes Bernard, campeão da Libertadores pelo Atlético-MG, de 28 anos e Richarlison, camisa 10 da seleção olímpica, de 24 anos.

Segundo a imprensa inglesa, citando o comunicado da polícia local, diz que o atleta chegou a ser preso na sexta-feira (16), prestou depoimento, porém foi liberado após pagamento de fiança. Ainda de acordo com a imprensa local, o atleta tem 31 anos de idade e é casado.

Segundo os jornais islandeses "Morgunbladid" e "Stundin", o jogador envolvido nesse caso seria Gilfy Sigurdsson, o atleta do Everton se encaixa no perfil divulgado pelo jornal inglês "Daily Mirror", primeiro veículo a reportar o caso. O camisa 10 dos 'Toffees', tem 31 anos de idade e é titular do Everton e da seleção da Islândia.

Tornando ainda mais suspeito, no sábado (17), o Everton enfrentou o Blackburn em um jogo-treino, e Sigurdsson não esteve nem relacionado. Segundo o jornal "Stunddin", a polícia inglesa fez buscas na casa do islandês e o libertou sob o pagamento de fiança. O Instagram do jogador está com os comentários limitado apenas a quem lhe segue. Sua esposa, Alexandra Ívarsdóttir, está com sua conta do Instagram desativada.

Sigurdsson tem passagens por clubes como Tottenham, Swansea e Hoffenheim, o jogador é um dos principais atletas da seleção islandesa. Tendo disputado a Eurocopa de 2016 e a Copa do Mundo de 2018. São 25 gols em 78 jogos pela seleção da Islândia.

 

(Foto destaque: Sigurdsson, jogador do Everton e seleção islandesa é suspeito de abuso sexual - Getty Images)

Deixe um comentário