Cinema/TV

Jake Gyllenhaal fala sobre ataque de ansiedade durante as gravações de 'Homem-Aranha': 'Estava surtando'

O ator Jake Gyllenhaal fala em entrevista recente sobre ataque de ansiedade durante as gravações do filme da Marvel 'Homem-Aranha: Longe de Casa': "Estava surtando"

3 min de leitura
11 Out 2021 - 15h48 | Atulizado em 11 Out 2021 - 15h48

Jake Gyllenhaal decidiu falar sobre um dos momentos mais complicados de sua carreira de ator: quando ele teve uma crise de ansiedade durante as gravações de "Homem-Aranha: Longe de Casa".

O ator de 40 anos, que interpretou o personagem Mysterio no filme da Marvel Studios em 2019, revelou essa experiência em uma entrevista recente ao apresentador Howard Stern, de acordo com o The Independent. Jake Gyllenhaal explicou que passou mal no primeiro dia no set das filmagens, e admitiu que se sentiu pressionado por ser sua primeira aparição na bem-sucedida franquia do Universo Cinematográfico Marvel, o MCU. “É difícil, cara. Essa atuação é difícil. Tudo isso. Esse mundo é enorme. E eu me juntei a esse mundo no meio da corrida; um trem que já estava em movimento", confessou o ator na entrevista.

O astro de filmes de sucesso como "O Segredo de Brokeback Mountain" e "Donnie Darko" comentou que diferente de outros projetos de que ele já havia participado, a dinâmica de "Homem-Aranha: Longe de Casa" dava espaço para que as cenas fossem mudadas a qualquer momento. Os próprios atores poderiam sugerir outras ideias para suas falas durante as gravações. Não acostumado com este estilo de trabalho, ele começou a se sentir muito ansioso e acabou passando mal durante as filmagens.


Jake Gyllenhaal como o vilão Mysterio no filme "Homem-Aranha: Longe de Casa". (Foto: Reprodução/Marvel Studios)


“Eu estava surtando", revelou Jake Gyllenhaal. “Foi numa cena com [os atores Samuel L.] Jackson e Tom [Holland]... Havia vários artistas nela. E eu me lembro de não ser capaz de lembrar das minhas falas. Eu era uma 'tábua de madeira'. E eles ficaram tipo: ‘Opa’.”

Devido a essa crise, Jake Gyllenhaal decidiu recorrer ao ator que vive o Homem-Aranha: “Fui até o Tom Holland e disse: 'Cara, me ajude'. Ele ficou tipo: ‘Está tudo bem, cara. Apenas relaxe'. Era como se ele fosse eu em muitas situações".

"Eu coloco muita pressão sobre [mim] porque amo aquele mundo [do filme]”, acrescentou o ator.

https://lorena.r7.com/post/O-Culpado-filme-estrelado-por-Jake-Gyllenhaal-foi-gravado-em-11-dias 

https://lorena.r7.com/post/Tom-Holland-ajudou-o-veterano-Jake-Gyllenhaal-nas-gravacoes-de-Homem-Aranha-Longe-de-Casa 

https://lorena.r7.com/post/Apos-Batman-Denis-Villeneuve-revela-que-deseja-dirigir-007 

Jake Gyllenhaal então precisou tranquilizar seus colegas de trabalho sobre seu ataque de ansiedade e assegurar que a crise passaria em algum momento, e que com isso ele poderia voltar a participar das gravações normalmente. “Tive que ir lá e dizer: 'Olha, acabei de sair da Broadway, fiz um show solo por uma hora e meia no palco; então eu consigo. Por favor, acreditem em mim'", relembrou o astro.

Indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 2006 por sua atuação como Jack Twist em "O Segredo de Brokeback Mountain", Jake Gyllenhaal também trabalhou em divesas produções de sucesso como "Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo", "O Dia Depois de Amanhã", "Os Suspeitos", "O Abutre" e "Nocaute".

Seu trabalho mais recente é o filme "O Culpado" que já está disponível no catálogo da plataforma de streaming Netflix.

 

Foto Destaque: O ator Jake Gyllenhaal. Kevin Winter/Getty Images.

 

Deixe um comentário