Saúde

Instituto Butantan possui 15 milhões de doses da vacina Coronavac guardadas

Após a entrega de 100 milhões de doses previstas em contrato, Instituto Butantan produziu um lote extra com 15 milhões de doses contra a covid-19 com validade até agosto de 2022.

3 min de leitura
07 Dez 2021 - 16h37 | Atualizado em 07 Dez 2021 - 16h37

Recente levantamento realizado pela Tv Globo revela que o Instituto Butantan possui cerca de 15 milhões de doses do imunizante Coronavac guardadas em estoque. Estados brasileiros e Ministério da Saúde não demonstram interesse em adquirir as doses contra a covid-19. O imunizante é fabricado pelo Instituto Butantan em sociedade com a farmacêutica chinesa, Sinovac. A Coronavac começou a ser utilizada no início de 2021, visto que era a única vacina disponível para o Programa Nacional de Imunização (PNI). Pfizer, Janssen e Astrazeneza, chegaram depois.

O gerente geral de medicamentos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Gustavo Mendes, declara que o imunizante ainda não foi autorizado para aplicação em crianças por conta da falta de documentos complementares, incluindo o estudo de imunogenicidade. O estudo de imunogenicidade estava programado para ser entregue em janeiro de 2021, depois para março e, agora, a previsão de entrega é para janeiro de 2022.


Idosa recebendo a terceira dose contra a covid-19. (Foto: Reprodução/ IStock)


“É um estudo em que se acompanha do longo do tempo o que a gente chama de titulação de anticorpos. A gente precisa acompanhar o quanto esse tipo de anticorpo fica presente no organismo ao longo do tempo. Para crianças, está faltando apresentar um estudo que tenha relevância estatística e significativa, mostrando que realmente tem um resultado que demonstre proteção para essa população”, diz Gustavo.

Vacina contra o câncer de mama será testada em mulheres

Cientistas afirmam que ter filhos pode mudar a estrutura do cérebro

Beber água entre as refeições pode melhorar a performance mental e física


De janeiro a setembro deste ano, 100 milhões de doses da vacina Coronavac previstas no contrato com Ministério da Saúde foram distribuídas entre os estados, no entanto, o Instituto Butantan fabricou um lote extra com 15 milhões de doses entre os meses de julho e agosto, com validade até agosto de 2022 – segundo o instituto.

Foto Destaque: Doses da vacina Coronavac. Reprodução/ Getty Images

Deixe um comentário