Cinema/TV

Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa se torna a maior bilheteria de 2021

O filme, estrelado por Tom Holland, que teve sua pré-estreia no dia 15 de dezembro, se tornou a maior bilheteria de 2021, atingindo um faturamento global de US$ 813,9 milhões.

3 min de leitura
25 Dez 2021 - 18h30 | Atualizado em 25 Dez 2021 - 18h30

O último filme da trilogia de Tom Holland, "Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa", continua impressionando a cada dia mais. O longa, de coprodução da Sony e da Disney, se tornou a maior bilheteria de 2021, ultrapassando o arrecadado em "Velozes e Furiosos 9" (US$ 726 milhões) e "007 - Sem Tempo Para Morrer" (US$ 773 milhões) na última quarta-feira (22/12). O filme chegou a arrecadar, até a última quinta-feira (23/12), US$ 813,9 milhões.

Existe uma expectativa de que o filme atinja o faturamento de US$ 1 bilhão com as bilheterias do segundo fim de semana de exibição, tornando-se o primeiro filme a alcançar essa marca desde "Star Wars: A Ascenção Skywalker", que foi lançado em dezembro de 2019.

Muito além dos EUA, os países que têm bilheterias fazendo a diferença são: Reino Unido, México, França, Rússia e Brasil. O volume poderia se tornar muito maior se o longa chegasse aos cinemas da China, porém o país ainda não tem uma data de estreia do longa definida.


Pôster do novo filme do Homem-Aranha (Foto: Divulgação/Sony Pictures)


Infelizmente existe um obstáculo que os países precisam enfrentar para lucrar com o filme: a variante ômicron, do COVID-19. Vários cinemas da Europa tiveram suas portas fechadas, visto que os países vêm lidando com inúmeros picos de contágio do vírus, graças à variante.

https://lorena.r7.com/post/Chris-Evans-aparece-em-cena-de-Nao-Olhe-Para-Cima

https://lorena.r7.com/post/HBO-Max-ira-contar-com-Homem-Aranha-Sem-Volta-para-Casa-em-2022

https://lorena.r7.com/post/Entenda-o-fenomeno-conhecido-como-Hallyu


Apesar de todas as dificuldades em relação à pandemia, a previsão é de que o filme ultrapasse a arrecadação o longa anterior, "Homem-Aranha: Longe de Casa", que rendeu US$ 1,1 bilhão mundial. É importante lembrar, também, que esse valor representou a maior arrecadação da história da Sony Pictures.

Sem os contratempos da China com a Marvel e da variante, o longa poderia facilmente chegar aos US$ 2 bilhões, já que o seu fim de semana de estreia arrecadou US$ 600 milhões, que ficou atrás dos números de "Vingadores: Ultimato".

 

Foto destaque: Homem-Aranha. Divulgação/Marvel Studios.

Deixe um comentário