Notícias

Golpe é descoberto após cidadão europeu tentar burlar o ciclo de vacinação com uma prótese ao invés do braço

Cidadão italiano tenta burlar o ciclo de vacinação com uma prótese de silicone ao invés de seu braço real, para conseguir o passaporte da vacina sem precisar ser imunizado de fato.

3 min de leitura
03 Dez 2021 - 21h50 | Atualizado em 03 Dez 2021 - 21h50

Em Piamonte, no noroeste da Itália, nesta sexta-feira, dia 3 de dezembro do ano de 2021, foi publicado oficialmente pelas autoridades italianas o acontecimento do caso de um cidadão italiano de 50 anos que compactuava com campanhas antivacina utilizou um braço falso de silicone para que recebesse o passaporte de vacinação sem que fosse de fato imunizado, porém seu plano foi descoberto pelos profissionais de saúde.


Fraude em meio a vacinação na Itália. (Foto: Reprodução/EPA/RÁDIO RENASCENÇA)


De acordo como os relatos da enfermeira que iria realizar a imunização do homem, ao posicionar sua mão para fazer a aplicação do conteúdo, percebeu que havia algo de errado com a textura da “pele” na área e logo se atentou e pediu para o italiano tirar a camisa, de modo que percebeu que estava realmente certa do fato, pois o braço de silicone se parecia muito com um braço real. Sendo assim, foi imediatamente avisar seus colegas de trabalho sobre o ocorrido.

Alberto Cirio, governador da região, fez comentário completamente desapontado com o acontecimento lamentável em suas redes sociais: "O caso beiraria o ridículo se não estivéssemos falando de um gesto de enorme gravidade, inaceitável diante do sacrifício que a pandemia está fazendo toda a nossa comunidade pagar, em termos de vidas humanas e custos sociais e econômicos".

https://lorena.r7.com/post/Terceiro-caso-da-Omicron-e-registrado-no-Brasil-no-estado-de-Sao-Paulo

https://lorena.r7.com/post/Anvisa-envia-parecer-a-Casa-Civil-pedindo-passaporte-de-vacinacao-para-Covid-19-a-todos-os-viajantes-que-chegam-ao-Brasil

https://lorena.r7.com/post/Prefeitura-do-RJ-decreta-novas-restricoes-a-quem-nao-apresentar-comprovante-contra-a-Covid-19


Tendo em vista que o cidadão italiano que cometeu o delito na quinta-feira dessa semana ao ir ao centro de vacinas, localizado na cidade de Biella, com o intuito de enganar as autoridades italianas e os profissionais ali presentes com sua prótese, que por sinal era muito bem feita, foi desmascarado após ser descoberto pela enfermeira encarregada da aplicação impedindo-o de trapacear o ciclo de imunização contra o vírus da Covid-19.

Desse modo, conforme foi dito pelo governador Cirio, o transgressor será enviado a Justiça./AFP para receber a devida punição que ele merece.

Foto destaque: Vacinação em prótese/Reprodução/bahia pra você

Deixe um comentário