Esportes

Fluminense terá Abel Braga como novo técnico em 2022

O novo técnico do Fluminense para 2022 é Abel Braga, o treinador está indo para a quarta passagem pelo tricolor carioca. Marcão volta ao cargo de auxiliar técnico.

3 min de leitura
15 Dez 2021 - 11h36 | Atualizado em 15 Dez 2021 - 11h36

Para 2022 Abel Braga será o novo técnico do Fluminense, na última segunda-feira (13) o treinador de 69 anos se reuniu com o presidente Mário Bittencourt para acertar os detalhes. Abelão, como é carinhosamente chamado pela torcida tricolor, está indo para a quarta passagem pelo Fluminense. O clube carioca ainda não fez o anúncio oficial.

Marcão, que ficou à frente do time tricolor nas retas finais dos últimos três Campeonatos Brasileiros, volta para o cargo de auxiliar técnico mais uma vez. 

Victor Lessa, jornalista da Rádio Globo, noticiou na última terça-feira (14) a proximidade de um acordo entre as partes (Abel e Fluminense). O último clube que Abel trabalhou foi o Lugano, da Suíça, que ficou no comando entre junho e setembro de 2021. Seu último trabalho no Brasil, foi pelo Internacional onde quase ficou com o título do brasileirão de 2020. 



Abel Braga em 2012. (Foto: Nelson Perez/Fluminense FC)


Como técnico do Fluminense, esta será a quarta passagem de Abel Braga, que já comandou o clube em 2005, de 2011 a 2013 e de 2016 a 2018. No comando do Flu,  Abelão conquistou os Campeonatos Cariocas de 2005 e 2012, e o Campeonato Brasileiro de 2012. Ele é o segundo treinador com mais jogos na história do Clube, são 326 partidas, apenas atrás de Zezé Moreira, que tem 497 jogos. Abel Braga iniciou sua trajetória pelo tricolor carioca como jogador em 1971. 

https://lorena.r7.com/post/Com-Leila-Pereira-no-comando-Palmeiras-inicia-reformulacao-no-elencohttps://lorena.r7.com/post/Corinthians-deve-anunciar-retorno-de-Paulinho-a-qualquer-momentohttps://lorena.r7.com/post/Manchester-United-tem-partida-adiada-apos-surto-de-Covid-no-clube


Em sua última passagem pelo Fluminense, em 2017, Abel teve um momento muito marcante quando a torcida tricolor fez uma homenagem após a morte do seu filho. O treinador caiu no choro no minuto de silêncio antes da vitória sobre o Atlético-GO por 3 a 1, e ao final da partida ele agradeceu. 

Nunca fui ovacionado dessa maneira. Até o minuto de silêncio foi diferente, naquele momento eu conversava com ele. A torcida deu um show tão fantástico de carinho comigo e com meu filho, agradeço imensamente pela solidariedade”, falou o treinador na época.

 

 

Foto Destaque: Abel Braga: Reprodução/Mailson Santana/ Fluminense 

Deixe um comentário