Esportes

Com um jogador a mais e na frente do placar, Flamengo sofre apagão e cede o empate ao Grêmio

Com o empate, a equipe rubro-negra acabou desperdiçando a chance de se aproximar ainda mais no líder Atlético-MG, deixando os torcedores irritados pela forma que o time cedeu o empate.

3 min de leitura
24 Nov 2021 - 15h00 | Atulizado em 24 Nov 2021 - 15h00

Na noite de terça-feira (23) em Porto Alegre, a equipe rubro-negra encarou o Grêmio que desesperadamente precisava da vitória para fugir da zona de rebaixamento. Com uma final de Libertadores pra ser disputada nesse sábado, o time comandado pelo treinador Renato Gaúcho foi com o elenco reserva, poupando os titulares. Arrascaeta e Pedro, que voltaram de lesões, estavam no banco de reservas e entraram no segundo tempo pra ganhar ritmo de jogo.


Rodinei e Campaz na disputa da bola. (Foto: Flamengo/ Alexandre Vidal)


A partida estava fraca tecnicamente e as equipes pouco ofereciam perigo. Quando entrou o Arrascaesta, em seu primeiro toque na bola ele ja fez um lançamento que originou no gol de Vitinho. A partir daí a equipe do Grêmio tentou buscar o empate, mas sem sucesso. Logo depois, Vitinho novamente marcou e ampliou o placar. Pra completar, o jogador Alves do Grêmio foi expulso for acertar uma cotovelada em Vitinho. Com o jogo praticamente garantido, Renato fez uma substituição que irritou os flamenguistas, ele tirou o autor dos gols e colocou o volante paraguaio Piris da Motta.

https://lorena.r7.com/post/Goias-vence-Guarani-e-retorna-a-primeira-divisao-do-Campeonato-Brasileiro

https://lorena.r7.com/post/Quebrando-recordes-historicos-Cristiano-Ronaldo-vibra-com-vitoria-na-Champions

https://lorena.r7.com/post/Com-LeBron-expulso-Lakers-vencem-Detroit-Pistons


Em poucos minutos, o Grêmio empatou a partida e quase virou. A revolta dos torcedores foi maior ainda pois o Atlético-MG estava jogando no mesmo horário e estava empatando com o Palmeiras, deixando escapar a chance de encostar no líder do campeonato. Curiosamente, nos gols do Flamengo o Renato nem esboçou uma comemoração, e acabou sendo acusado pelos torcedores que ele "entregou" o jogo para favorecer o seu ex-time.

“Isso é um tipo de pergunta que me ofende. Porque eu sou profissional, trabalho em um grande clube, assim como o Grêmio. Minha equipe sempre vai jogar para vencer. Então é preciso tomar um pouco mais de cuidado. Você (repórter), no caso, em termos de pergunta. Porque uma pergunta dessas está desrespeitando o profissional. E acredito que você tenha visto o jogo. O jogo foi bastante pegado, poderíamos, inclusive, ter vencido, até porque tivemos um jogador a mais. Mas, volto a repetir, é uma pergunta que ofende qualquer profissional”, disse Renato, ao ser perguntado sobre a possibilidade dele ter facilitado o empate para o adversário.

O Flamengo agora se prepara para a grande final de sábado e já embarcou na quarta-feira (24) de manhã para Uruguai.

 

Foto destaque: Gustavo Henrique e Ferreirinha na disputa da bola.  Imagem: GFBPA/Lucas Uebel

Deixe um comentário