Cinema/TV

10 anos sem Amy Winehouse: Cantora é homenageada em documentário inédito

No mês que Amy Winehouse completaria 38 anos, a rede Britânica BBC presenteou o mundo com um documentário inédito, onde conta a trajetória dessa grande artista

3 min de leitura
13 Set 2021 - 16h15 | Atulizado em 13 Set 2021 - 16h15

Há exatos 10 anos a estrela Amy Winehouse nos deixava de forma precoce. Nesta terça-feira (14), a cantora completaria 38 anos, e para homenagear esse ícone da música, a rede Britânica BBC  presenteou o mundo com um documentário inédito, onde relembra a trajetória dessa artista fenomenal.

 

A história é contada a partir de 10 fotos da vida da cantora e relatos de pessoas próximas a ela. Uma das imagens, mostra o registro da gravação do álbum Back to Black,  lançado em 2003, e que três anos mais tarde se tornou o álbum mais vendido de todo o mundo, chegando a 6 milhões de cópias. A partir desse trabalho, a jovem ganhou notoriedade internacional, se consagrando a maior artista do século 21.

 


 

Amy em gravação do vídeo clipe 'Back to Black'- Foto: Divulgação/YouTube


 

Uma outra imagem mostra a cantora com seus 17 anos, ao lado de sua avó paterna. A fotografia, registrada por Janis Winehouse, a mãe de Amy, é uma das suas preferidas, pois segundo ela, a filha estava em um ótimo momento, vivendo o ápice da felicidade. Outro motivo que torna essa foto especial para Janis, é que Cynthia, sua falecida sogra, adorava Jazz, gênero musical que serviu de inspiração para Amy dar os primeiros passos na carreira musical. A cantora amava tanto a avó, que fez uma tatuagem no braço direito em homenagem a ela.

 

"Não sinto que o mundo conheceu a verdadeira Amy, aquela que eu criei, e anseio pela oportunidade de oferecer uma compreensão de suas raízes e um vislumbre mais profundo da verdadeira Amy", declarou a mãe da artista.

 

Dionne Bromfield, afilhada de Amy, compartilha material de arquivo inédito dos momentos que viveu ao lado da cantora. "Não posso mensurar o quão terapêutica esta jornada tem sido para mim. Finalmente, posso avançar para o próximo capítulo da minha carreira, sabendo que lidei com emoções que foram enterradas por anos. Espero que este documentário apresenta Amy como mais do que apenas uma pessoa lutando contra o vício e, em vez disso, mostre a pessoa incrível que minha madrinha era".

 

https://lorena.r7.com/post/Cancao-original-de-WandaVision-ganha-premio-no-Emmy-Awards

https://lorena.r7.com/post/Angela-Bassett-fala-sobre-a-ausencia-de-Chadwick-Boseman-em-Pantera-Negra-2

https://lorena.r7.com/post/Eternos-Chloe-Zhao-e-elenco-sao-destaque-em-novas-imagens-da-producao

 

Além de cantar, Amy também era compositora e multi-instrumentista, conhecida por seu poderoso e profundo contralto vocal e por sua mistura eclética de gêneros musicais, incluindo soul, jazz, R&B e ritmos caribenhos. Amy Winehouse morreu aos 27 anos, em decorrência de uma intoxicação por álcool. A cantora também travou uma dura batalha contra o vício por drogas.

 

Para você que quer recordar a brilhante trajetória de Amy Winehouse e matar um pouco a saudade, o documentário está disponível na plataforma BBC Two, e entrará no catálogo do Globo Play a partir desta terça-feira (14).

 

(Foto Destaque: Amy Winehouse é homenageada em documentário inédito - Daniel Boczar/Getty Images)

Deixe um comentário