Notícias

Quadrilha ataca bancos em Araçatuba (SP) e faz moradores de reféns

Criminosos fortemente armados invadiram Araçatuba, para explodir três agências bancárias, fazendo moradores reféns, explodindo bombas e ateando fogo em veículos na fuga. Durou duas horas, entre ataques às agências, tiroteio e fuga.

3 min de leitura
30 Ago 2021 - 16h54 | Atulizado em 30 Ago 2021 - 16h54

Na madrugada desta segunda-feira (30), homens armados invadiram e atacaram pelo menos três agências bancárias do Centro de Araçatuba, interior de São Paulo. Cinco pessoas ficaram feridas e três suspeitos foram presos.

Segundo moradores, que publicaram a ação em suas redes sociais, após o ataque ao banco e troca de tiros com a polícia, pedestres e motoristas foram abordados e feitos reféns. Em vídeos, é possível ver moradores da cidade sendo feitos de 'escudo humano'.



Vítimas aparecem em uma espécie de "escudo humano" dos criminosos e sobre carros em Araçatuba, São Paulo. (Reprodução: O Povo Online/ YouTube)


Após o ataque às agências, a quadrilha fugiu rumo ao bairro rural Engenheiro Taveira. A PM informou que foram dois confrontos com tiros, um no Baep e outro no centro de Araçatuba. Até este momento, três pessoas haviam sido detidas. Não foi divulgado o valor roubado.

  

Segundo a polícia, três pessoas foram mortas na ação, entre elas um criminoso e um homem que estava dentro de um carro filmando a ação dos bandidos.

 

Furacão Ida chega com força devastadora à costa dos EUA

 

“Tem que todo mundo comprar fuzil”, recomenda presidente Jair Bolsonaro

 

Talibã toma o controle do Afeganistão e anuncia volta de princípios estabelecidos em 1996

 

O coronel Camilo, confirmou que mais de 20 criminosos e dez veículos estiveram envolvidos na ação. "Nesse momento na região de Araçatuba temos entre 350 e 400 homens e dois helicópteros Àguia. Estamos vasculhando toda cidade" disse.


A Associação Comercial de Araçatuba orientou que as lojas não abram as portas na região central, já que existem várias bombas instaladas em diferentes ruas da cidade. As aulas nas escolas municipais e estaduais foram suspensas e as linhas de ônibus foram deslocadas para não passarem pela região central. O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, pediu que a população fique em casa nas próximas horas para não correr riscos.
"Peço que a população se mantenha em casa. O mais importante é preservar as vidas das pessoas", disse.

A Secretaria da Segurança Pública, comunicou que está em andamento as buscas para localizar os criminosos, com apoio de equipes de Bauru, São José do Rio Preto e Presidente Prudente, além do helicóptero da PM.

Uma equipe do Gate (Grupo de Ações Tática Especiais) chegou à cidade para desarmar as bombas. Há a desconfiança de que um caminhão abandonado pelo grupo na região central esteja cheio de bombas.

(Foto destaque: Bandidos usaram moradores como escudo humano. Reprodução:
G1)

Deixe um comentário