Bem Estar

Dentistas afirmam que saúde bucal pode prejudicar a imunidade e desempenho no esporte

Especialistas em saúde bucal explicam o porquê a falta de cuidados prejudicam a saúde e quais são as medidas preventivas que podem ser adotadas para manter a boca saudável

3 min de leitura
03 Dez 2021 - 11h26 | Atualizado em 03 Dez 2021 - 11h26

A saúde da boca e os cuidados com os dentes não garantem somente uma melhor aparência. Esses cuidados, por incrível que pareça, estão diretamente relacionados com a saúde do organismo humano como um todo. Inclusive, os dentistas identificam sinais presentes na gengiva para facilitar em outros diagnósticos que podem estar relacionados à alimentação ou saúde física. 

 

Em entrevista produzida pelo EU Atleta, os dentistas Bruna Conde e Thales Wilson Cardoso, relataram sobre quais são as principais doenças encontradas em relação à saúde bucal e quais são as responsabilidades que devem ser tomadas para prevenir, minimizar ou até mesmo sanar esses casos.


(Homem escovando os dentes. Foto: Reprodução/Ron Lach/Pexels)


De acordo com os especialistas abordados na entrevista, existem quatro principais problemas bucais que podem prejudicar a saúde e o desempenho do indivíduo que pratica esporte:

 

Bruxismo: O bruxismo pode surgir por alguns fatores, sendo eles: estresse e consumo de álcool ou cafeína. Esse problema pode causar quebra de dentes, sensibilidade e dor de cabeça. Isso, consequentemente, pode afetar a rotina pelas dores e desconforto que o bruxismo traz.

 

Problemas na gengiva: Na gengiva pode acontecer algum sangramento ou mau hálito. Isso acontece porque a corrente sanguínea ou as bactérias da boca atingem outros pontos do corpo. Além disso, essa adversidade pode afetar a atividade física e o sono, devido às dores que são decorrentes.

 

Dentes desgastados: O consumo de alimentos e bebidas ácidas danifica  esmalte do dente, caso a escovação não seja feita de forma correta. Isso pode desencadear cáries, perda de dentes, sensibilidade, dores e problemas nutricionais.

 

Problema endodôntico: Esse caso atinge a estrutura interna do dente e se o paciente não der a atenção necessária, pode correr o risco de sofrer uma extração do dente. Além das dores que também pode afetar a rotina do indivíduo.

 

https://lorena.r7.com/post/Saiba-mais-sobre-o-mau-halito-causado-pelo-uso-de-mascaras

 

https://lorena.r7.com/post/Cientistas-estudam-a-efetividade-das-medidas-contra-a-Covid-19-saiba-detalhes

 

https://lorena.r7.com/post/Excesso-de-urbanizacao-contribui-para-a-ansiedade-e-outros-tipos-de-doencas


Citando esse problemas bucais e suas consequências na saúde e performances do dia-a-dia, confira a seguir quais são os principais cuidados que podem ser adotados:

 

- Escovação regular e uso de fio dental após todas as refeições.

 

- Check-up odontológico ao menos duas vezes ao ano. 

 

- Optar por escovas de dentes macias e cremes dentais com composição menos abrasiva. Isso auxilia a diminuir o desgaste no esmalte do dente.

 

- Não escovar os dentes imediatamente após o consumo de alimentos ácidos para dar tempo da saliva agir. O ideal é tomar uma água e esperar de 10 a 30 minutos para que a saliva forme uma camada de proteção, evitando o desenvolvimento de problemas como cáries, gengivite, manchas e erosão. 

 

- Usar protetores bucais e/ou placas estabilizadoras, no caso de quem aperta ou range os dentes, para que assim evite o bruxismo.

 

- Tratamento regular entre dentista e nutricionista, para acompanharem os hábitos alimentares  e saúde bucal. Precavendo-se de transtornos futuros.

 


Foto destaque: Mulher usando fio dental. Reprodução/Sora Shimazaki/Pexels

Deixe um comentário