Moda

Conheça 4 estilistas que investem na moda sustentável

Em um cenário com crises climáticas e em que os consumidores estão cada vez mais preocupados com a transparência das grifes, estão emergindo estilistas empenhados em buscar caminhos para um mundo mais sustentável

3 min de leitura
03 Fev 2022 - 14h05 | Atualizado em 03 Fev 2022 - 14h05

Na moda sustentável, roupas, calçados e acessórios são produzidos levando em conta tanto o meio ambiente quanto nosso contexto socioeconômico. Ela se trata de um movimento que está ganhando cada vez mais atenção de consumidores que fazem questão de saber de onde exatamente vem as suas roupas. Nesse cenário, emergem estilistas preocupados em transformar as práticas dentro do mundo da moda, priorizando a transparência de seus processos de criação e fabricação. Confira 4 nomes que têm a sustentabilidade como foco: 

 

Adeju Thompson

Na grife africana Lagos Space Programme, o estilista Adeju Thompson combina passado e presente com o objetivo de usar a moda como um veículo de exploração de sua herança nigeriana e identidade não binária. As roupas criadas por Thompson são todas produzidas na África e o estilista também trabalha em colaboração com artesãos que são experts em técnicas indígenas, como o tingimento natural. 


Top Lagos Space Programme (Foto: Reprodução/ Eddie Wrey)


 

Mozhdeh Matin

Mozhdeh Matin nasceu no Peru, na cidade de Cajamarca, e lançou sua marca Mozh Mozh em 2015. A estilista que tem como principal motivação o conceito de moda circular, cria peças produzidas a partir de técnicas tradicionais da tecelagem peruana, utilizando como matéria prima fios de alpaca, lã nativos e algodão.



Lenço, cardigã e calça da Mozh Mozh (Foto: Reprodução/ Eddie Wrey)


De acordo com Matin, todos artistas acabam usando seu entorno como fonte de inspiração e a crise climática que se abate sobre o planeta os obriga a ser criativos enquanto buscam caminhos que tenham como ponto final um mundo mais sustentável. 

 

Juan Carlos Pereira e Andrés Jordan

Juan Carlos Pereira e Andrés Jordan criaram a marca boliviana Juan de La Paz em 2009. Os estilistas desenvolvem peças vibrantes em conjunto com artesãos da Bolívia e do Peru. Feitas à mão, a maior parte de suas roupas contam com franjas, uma marca registrada da Juan de La Paz. Além disso, elas são produzidas a partir de tecidos descartados, doados ou reciclados, e, para evitar o desperdício, são feitas sob encomenda.  


Vestido com franjas Juan de La Paz (Foto: Reprodução/ Eddie Wrey)


Para Andrés Jordan, a América Latina possui uma herança cultural incrível, rica em tecidos impressionantes. Os designers contemporâneos latinos procuram materiais alternativos, colaborando com as comunidades indígenas e valorizando o trabalho manual.

 

 

Foto destaque: Peças da Juan de La Paz. Reprodução/ Instagram

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo