Celebridades

Britney Spears luta na justiça para recuperar o direito de responder pela sua própria vida

Britney Spears luta na justiça para recuperar o direito de responder pela sua própria vida

3 min de leitura
29 Jun 2021 - 07h00 | Atulizado em 29 Jun 2021 - 07h00

Na última quarta-feira (23), a cantora Britney Spears pode revelar pela primeira vez diante de um tribunal, todos os abusos que tem sofrido nos últimos 13 anos por causa da tutela concedida pela justiça a seu pai e a uma instituição financeira. Durante o depoimento a cantora disse: “ Eu não estou feliz. Eu não consigo dormir. Eu estou tão brava, é insano, e estou deprimida. Eu choro todos os dias”.

De acordo com Britney: “Meu pai. Qualquer pessoa envolvida nessa tutela. Meus empresários que me puniram quando eu disse não. Todos eles deveriam estar na prisão”. A cantora também revelou, que não tem autorização para casar e que apesar de já ter dois filhos, nutria o desejo de ser mãe novamente, porém, tem sido obrigada a fazer uso do DIU pelos responsáveis pela sua tutela.


Britney Spears e seu pai Jaime Spears. (Reprodução/GettyImages)


Nesse momento a cantora luta na justiça para poder recuperar o controle da sua própria vida, pois, apesar de estar sob tutela devido problemas de saúde mental, Britney não parou de trabalhar e acumula aproximadamente uma fortuna de US$60 milhões.

Em 2007, durante o auge da fama, ela passou a sofrer uma perseguição incessante por parte dos Paparazzi que não mediam esforços para registrar todos os passos dados pela cantora. A pressão foi tanta que Britney começou a apresentar alguns distúrbios psiquiátricos e psicológicos que a levaram a ser internada.

https://lorena.r7.com/post/Album-de-Pablo-Vittar-tem-a-maior-estreia-na-categoria-solo-pop-brasileiro-no-Spotify

https://lorena.r7.com/post/Shantal-Verdelho-posta-foto-mostrando-a-evolucao-de-sua-segunda-gravidez

https://lorena.r7.com/post/Mulher-trans-que-foi-queimada-viva-recebe-flores-de-Whindersson-Nunes

Em 2008, o pai da cantora Jamie Spears entrou na justiça com um pedido de tutela e conquistou junto à Corte de Los Angeles o direito de administrar toda a fortuna e tomada de decisão da cantora.

Foi em 2009, que surgiu o site Free Britney criado por um fã que colocou em dúvida a necessidade da tutela se a cantora continuava a dar andamento a sua carreira, porém, na época não teve repercussão suficiente. Uma década depois a hashtag Free Britney  ressuscitou e transformou-se em um movimento liderado pelos fãs e que cada vez mais  tem conquistado a adesão de diversos artistas.

 

(Foto destaque: Britney Spears luta na justiça para recuperar o direito de responder pela sua própria vida.Reprodução/Instagram)

Deixe um comentário