Esportes

Botafogo empata com Goiás e não alcança a liderança

O Botafogo visitou o Goiás pela 33ª rodada da Série B do Brasileirão, em confronto direto pelo topo da tabela. A partida ficou no empate e ambos ficaram no G4.

3 min de leitura
27 Out 2021 - 10h00 | Atulizado em 27 Out 2021 - 10h00

O Botafogo visitou o Goiás na noite desta terça pela 33ª rodada do campeonato (26) e empatou em 1 a 1, perdendo a chance de alcançar a liderança na tabela da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida teve gols de Hugo, que abriu o placar para o Goiás e o empate do Fogão ficou por conta de Joel Carli.  

 

Primeiro tempo - O jogo começou em disputa ofensiva entre as equipes em Goiânia, já que vencer a partida, significaria a liderança para o Botafogo e a vice-liderança para o Goiás. O desejo de alcançar a primeira colocação do torneio não impediu de acontecer erros da defesa alvinegra, fazendo com que o Goiás finalizasse 12 vezes. Aos quatro minutos do primeiro tempo, após receber lançamento de Dieguinho, Warley errou na saída e Hugo aproveitou para finalizar para o gol e abrir o placar para os donos da casa.  

 

Após o gol sentido pelo Botafogo, o lado esquerdo da equipe de Enderson Moreira não conseguia avançar pela esquerda, já que Diego Gonçalves estava mal na partida, mas aos dez minutos, Chay cruzou para Joel Carli, que cabeceou para o gol de Tadeu e empatou para o Botafogo. Mesmo com maior posse de bola, o Goiás tentava finalizar com mais frequência e teve duas chances claras com chute de Alef Manda e cabeceio de David Duarte, porém, as duas jogadas foram longe do gol.  

 

Segundo tempo - O Botafogo diminuiu as chances e a posse de bola, porém, a primeira finalização veio do alvinegro aos seis minutos, com chute de Barreto que exigiu boa defesa do goleiro Tadeu. Aos 11 minutos, o Goiás já tentou revidar com Elvis e chute de Alef Manga, porém a finalização foi sobre o gol e o marcador permaneceu em 1 a 1.  


 

Goiás x Botafogo. (Foto: Heber Gomes/AGIF) 


 

Chay é motivo de preocupação no Botafogo 

 

Aos vinte minutos do segundo tempo, o volante goiano Caio derrubou Chay numa entrada agressiva e recebeu cartão amarelo pela falta. O meia deixou o campo de maca e chorando devido a dor. 

 

Durante a transmissão do SporTv, o médico do Botafogo explicou que o atleta já estava com dores devido a pancadas sofridas durante a partida e a falta cometida por Caio foi o estopim para que ele deixasse o campo com muita dor nos dois tornozelos. Após a partida, o clube atualizou a torcida sobre o caso:  

 

"O atleta Chay sofreu um trauma torsional no tornozelo direito, iniciou o tratamento no vestiário e apresenta melhora da dor. O atleta anda sem a ajuda de muletas e será reavaliado no Rio de Janeiro".  

 

Enderson também falou sobre o meia de sua equipe durante entrevista coletiva após a partida. "É difícil falarmos nessas primeiras horas. Ele saiu com muitas dores, realmente, mas estava um pouco melhor no vestiário no quesito dor. Ele já foi examinado e medicado. Agora é só tempo. Esperar para ver o que aconteceu, se houve algum dano ou só a pancada. Nosso departamento médico vai aguardar um pouquinho para poder informar com a maior precisão", disse o técnico.  

 

Luxemburgo afirma que quer permanecer no Cruzeiro em 2022

Koeman fala sobre ataque dos torcedores do Barcelona

Atlético-MG tem 94% de chance de título e as chances do Flamengo caem para 4%


 

Com o resultado da partida, o alvinegro segue na vice-liderança, com 56 pontos, apenas dois a menos que o líder Coritiba e volta a campo na quarta-feira (3) para enfrentar o Confiança no Estádio Nilton Santos. Por outro lado, o Goiás foi para a quarta colocação, com 53 pontos, empatados com o Avaí. A equipe goiana volta a jogar na terça-feira (2), contra a Ponte Preta, na Serrinha. 

 

Foto destaque: Botafogo. Heber Gomes/AGIF 

Deixe um comentário