Música

Bad Bunny: Mesmo sem lançar álbum, é o cantor mais ouvido do ano no Spotify

Mesmo sem lançar um álbum este ano, o cantor vencedor de vários AMAs, Bad Bunny é o mais ouvido do ano no Spotify tendo lançado apenas sete singles em 2021.

3 min de leitura
06 Dez 2021 - 11h58 | Atualizado em 06 Dez 2021 - 11h58

O cantor Bad Bunny é o artista mais ouvido do Spotify pelo segundo ano consecutivo, entretanto um detalhe chama a atenção: ele não lançou nenhum álbum este ano. Com sua estratégia voltada para o lançamento de singles em 2021, sem último álbum “El Último Tour Del Mundo”, que possui 16 faixas, foi lançado em 2020. O destaque de Bad Bunny reflete a realidade do consumo musical atual em escala global.


Bad Bunny ganhou o prêmio de “Artista Favorito do Ano” no AMA de 2021. (Foto: Amy Sussman/Getty Images)


Se por um lado, os olhares da indústria musical tem se voltado cada vez mais para os acordos bilionários nos Catálogos Musicais, a tática de lançamento de singles também permanece em alta. Analisando o caso de Bad Bunny, o cantor possui mais de 43 milhões de ouvintes mensais no Spotify e mais de 40 milhões de seguidores na plataforma. As principais cidades que ouvem o cantor são: Cidade do México (México), Santiago (Chile), Buenos Aires (Argentina), Madrid (Espanha) e Lima (Peru).

Para as plataformas digitais como o Spotify, o lançamento de singles é muito utilizado por manter a regularidade do algoritmo e as possíveis entradas nas famosas Playlists Editoriais, e Bad Bunny parece seguir as melhores práticas para manter a sua popularidade. Acessando o seu perfil no Spotify, o artista lançou 7 singles este ano, sendo o último deles a faixa “Lo Siento BB:/”, em parceria com Tainy e Julieta Venegas, que estreou em outubro deste ano e já acumula expressivos 144 milhões de streams.

https://lorena.r7.com/post/Primeiro-album-de-Anitta-focado-para-o-mercado-internacional-sera-lancado-em-2022 

https://lorena.r7.com/post/BTS-alcanca-a-marca-de-faturamento-recorde-com-varios-shows-em-Los-Angeles 

https://lorena.r7.com/post/Adele-recebe-certificado-de-platina-por-novo-album 


Entretanto, aos amantes dos catálogos musicais e álbuns o destaque de Bad Bunny não significa que os álbuns deixaram de ser produzidos ou que “não são valorizados na era digital”. Para a cantora Adele, por exemplo, o processo criativo de um álbum deve ser mantido a ponto de ela ter pedido para que o Spotify retirasse o recurso de “reprodução aleatória” e a plataforma atendeu sua solicitação. Aliás, o álbum “30” de Adele teve a melhor estreia de álbum deste ano.

Através do entendimento do público-alvo de cada artista e do seu objetivo com o trabalho artístico, para a “melhor estratégia musical” não há uma fórmula exata. A indústria musical de 2021 apontou diversos caminhos e no caso de Bad Bunny, com lançamento de singles que possuem em média, 3 minutos cada. Singles esses que são capazes de trazerem uma ideia sobre um determinado gênero musical e artista, mas ainda assim, não são uma regra.

 

Foto Destaque: O cantor Bad Bunny no AMA desse ano. Reprodução/Amy Sussman/Getty Images.

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo