Saúde e Bem Estar

Café e seus beneficios para a saúde

O café é uma das bebidas mais amadas e consumidas no Brasil e no mundo. Confira seus principais benefícios para a saúde. O consumo diário de café pode evitar doenças como diabetes e câncer, além de dar energia e aumentar a expectativa de vida.

3 min de leitura
21 Set 2020 - 05h42

O cafezinho faz parte do nosso dia a dia e está presente em boa parte das mesas das pessoas. Por ser uma das bebidas preferidas e mais consumidas pelos brasileiros, seu abuso pode ser perigoso para a saúde. Hoje, o café é a segunda bebida mais consumida no Brasil, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic). Outro levantamento, do Instituto Brasileiro do Café, mostra que no país são consumidos mais de 80 litros da bebida por pessoa por ano. 

O componente mais conhecido do café é a cafeína. No entanto, ela é apenas uma pequena parte da composição do café: um grão tem de 0,8% a 2,5% de cafeína. "Doses elevadas do café podem induzir efeitos negativos tais como taquicardia, palpitações, insônias, gastrite, ansiedade, refluxo gastroesofágico, tremores, dores de cabeça e náuseas". É importante reconhecer os efeitos da cafeína no organismo, se a pessoa fica muito agitada ou sem sono, é importante diminuir o consumo, por exemplo", afirma Breno da Silva Lozi, professor de nutrição e dietética no Centro de Ensino Enf-Ciência - Carangola/MG em entrevista para o Uol.

De acordo com o Ministério da Saúde (MS), para um adulto, a dose diária recomendada é de 3 xícaras de até 100 ml por dia. Desse modo, para garantir que o café seja benéfico, evite sua ingestão antes de dormir ou em situações que envolvam estresse e ansiedade. 

Além disso, o café aumenta a frequência cardíaca e deixa o corpo em estado de alerta. É por isso que, em contrapartida, seu consumo em excesso pode ser perigoso para o corpo, visto que pode criar cenários oportunos para fadiga motora e crises de ansiedade.

Leia mais: Chá e seu potencial no sistema imunológico


Cafezinho (Foto: Reprodução/Shutterstock)


Principais benefícios do consumo do café para a saúde

De acordo com matéria publicada pelo Viva bem em parceria com o portal Uol, esses são os principais benefícios do consumo do café:

Afasta os problemas cardíacos: Uma pesquisa realizada com 140 mil pessoas pela Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard (EUA), mostrou que quatro doses diárias do café diminuem em até 11% o risco de insuficiência cardíaca, que é uma condição em que o coração não consegue bombear o sangue adequadamente para o corpo.

Ajuda no emagrecimento: O café acelera o metabolismo e a queima de gordura. De acordo com um estudo publicado no International Journal of Sports Nutrition e no Scandinavian Journal of Medicine and Science in Sports, a queima de gordura ocorre devido à ativação do sistema nervoso simpático e a oxidação lipídica. A cafeína aumenta os níveis de adrenalina no sangue, que dilui as células de gordura e as libera para o sangue.

Previne diabetes: Diversos estudos científicos comprovam que o consumo moderado do café pode diminuir a glicemia no sangue de pessoas com diabetes. Em uma pesquisa, com cerca de 200 mil pessoas nos EUA, Europa e Ásia, comprovou-se uma redução de 35% no risco do surgimento de diabetes de quem consumia pelo menos duas xícaras da bebida por dia.

Dá energia: O café é considerado um estimulante energético, e não é apenas fama. A bebida realmente deixa o organismo mais ativo. As substâncias presentes no poderoso grão fazem com que o rendimento do corpo aumente e combatam o sono e o cansaço.

 

Evita problemas respiratórios: A cafeína possui um efeito broncodilatador e reduz a fadiga dos músculos respiratórios. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Café, diversos estudos comprovam que a probabilidade dos consumidores moderados de café desenvolverem os sintomas usuais de asma é, em média, 30% menor do que os não consumidores.

 

Previne câncer: Há diversas evidências científicas que comprovam a sua eficácia para diferentes tipos de câncer. Uma pesquisa da Universidade de Lund (Suécia) mostrou que o café protege contra o câncer de mama.

 

Melhora o intestino: O café ajuda a liberar um hormônio que estimula o intestino grosso a realizar os movimentos gástricos. O consumo da bebida aumenta as contrações do intestino, que empurram os resíduos para fora do organismo.

 

Aumenta a memória: A cafeína fortalece alguns tipos de memória por até 24 horas após seu consumo, como mostrou um estudo publicado no periódico Nature Neuroscience. A pesquisa foi realizada com 44 pessoas e comandada por pesquisadores da Universidade Johns Hopkins (EUA). Foi comprovado que o cérebro apresentou um nível mais profundo de retenção de memória em pessoas que consumiram mais cafeína.

 

Diminui pedras nos rins: O cálculo renal, conhecido também como pedra nos rins, ocorre quando há formação de massas sólidas nos rins e canais urinários. E o café pode aliviar esse problema de saúde.

 

Combate a depressão: Há diversos estudos que relacionam o consumo do café com a diminuição dos sintomas da depressão. Já foi comprovado que doses moderadas de cafeína alteram positivamente o humor e aumentam a disposição devido a seu efeito estimulante. Um estudo da Escola de Saúde Pública de Harvard (EUA) mostrou que as mulheres que bebiam de duas a três xícaras de café por dia diminuíram em até 15% o risco de depressão. Ao todo, foram analisadas 50 mil mulheres.

 

Aumenta a expectativa de vida: Quem quer viver mais, deve tomar mais café, de acordo com uma investigação do Instituto Nacional do Câncer (EUA). Segundo os pesquisadores, homens que bebem de três a quatro xícaras de café por dia têm um ganho de 10% na expectativa de vida; já para as mulheres esse número sobe para 13%. Isso ocorre devido ao fato do café ser uma das maiores fontes de antioxidantes.

 

Ameniza sintomas do Parkinson: Pessoas com Parkinson sofrem devido a uma degeneração severa dos neurônios, que causam incapacidade de controle voluntário dos movimentos (tremores), rigidez e instabilidade postural.

 

Previne o Alzheimer: A cafeína pode proteger o cérebro contra danos causados por dietas ricas em colesterol e prevenir o Alzheimer. Um estudo publicado pela revista científica Journal of Neuroinflammation, mostra que a substância reforça a barreira sanguínea do cérebro, responsável por proteger o sistema nervoso central contra substâncias químicas presentes no sangue.

 

Protege contra danos causados pelo sol: Outro benefício comprovado do café é em relação aos efeitos nocivos do sol. Quanto maior o consumo de cafeína, menores as chances de desenvolver o carcinoma basocelular, um tipo de câncer de pele. A Escola de Medicina da Harvard (EUA) avaliou os dados de mais de 110 mil participantes, sendo que cerca de 22 mil desenvolveram carcinoma basocelular durante 20 anos de acompanhamento. Os pesquisadores chegaram à conclusão de que a cafeína pode bloquear o desenvolvimento de tumores na pele.

 

(Foto Destaque: Café e seus beneficios para a saúde. Reprodução/Chefsblog)

 

 

Deixe um comentário