Tech

Startups de carros elétricos enfrentam desafios que já atormentava montadoras

A desaceleração da indústria é um desafio diário das montadoras e que agora está afetando as startups de carros elétricos, que lutam para permanecerem abertas.

3 min de leitura
14 Jul 2022 - 10h15 | Atualizado em 14 Jul 2022 - 10h15

Startups de veículos elétricos enfrentam momentos de crise, o que antes uma promessa de revolucionar o mercado automotivo com uma abordagem pesada de software e tecnologia, se tornou uma luta de corte de gastos após desaceleração da indústria atormentar novamente as montadoras. 

Nomes como Rivian e Arrival precisam apertar o cinto e se reinventar para continuar ativamente participando de um negócio cada dia mais competitivo. Algumas empresas estão fazendo parcerias com outras companhias maiores e ricas para auxiliar no fornecimento de acesso a fundos e para manter a empresa ativa. 

Mesmo em tempos de pandemia e crise, a demanda por veículos elétricos seguiu forte. As vendas de veículos elétricos a bateria e híbridos plug-in quase dobraram em 2021, para 6,6 milhões.


Carro Elétrico, Carro, Elétrico, Veículo

Carro elétrico (Reprodução/Pixabay)


Arival pretende cortar gastos, demitir 30% da sua força de trabalho e reorganizar seus negócios. Ela está seguindo o exemplo de Tesla e Rivian, elevando os custos e mantendo a receita abaixo das expectativas, e ainda quer lançar a produção de vans de entrega elétricas.

Carlos Tavares, presidente-executivo da montadora Stellantis, disse durante evento para startups “Isso significa que algumas startups terão um pouco mais de dificuldade para se desenvolverem sozinhas” e ainda afirma que o acesso ao dinheiro grátis está sendo cortado pelo aumento da inflação.  

Os desafios são recorrentes para as montadoras, elas enfrentam desafios como cortes de pessoas, algumas são exclusivas de pequenas empresas em um setor intensivo de capital,  custo na indústria de veículos e o fato que até as grandes economias de nível global não são suficientes para conseguir lucratividade.

Montadoras de Detroit correm o risco de aumentar os custos e enfrentar problemas na cadeia de suprimentos persistentes. No momento, as montadoras que são estabelecidas conseguiram aumentar o preço de suas caminhonetes de combustão e SUV para continuar mantendo o fluxo de caixa.

Foto Destaque: Carro elétrico. Reprodução/Pixabay

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo