Money

Startups brasileiras receberam 9,4 bilhões de dólares de investimentos feitos em 2021

Startups brasileiras fecham o ano de 2021 com recorde em investimentos, foram feitos 9.4 bilhões de dólares, 2.5 vezes a mais do que no ano de 2020. O ano de 2021 fechou também com recorde de novos unicórnios.

3 min de leitura
13 Jan 2022 - 13h20 | Atualizado em 13 Jan 2022 - 13h20

Para o ecossistema brasileiro de startup, o ano de 2021 foi fechado batendo recorde. Ao todo, foram investidos 9,4 bilhões de dólares, isso representa 2,5 vezes o volume atribuído em 2020. Apenas no mês de dezembro, foram 555 milhões de reais. Os dados consolidados fazem parte do Inside Venture Capital, relatório produzido pelo Distrito, com apoio do Bexs. Segundo este levantamento, foram 779 transações realizadas durante o ano passado. 

O ano de 2021 fechou também com o maior número de novos unicórnios, ao todo são 10 empresas brasileiras que passaram a valer mais de 1 bilhão de dólares, são elas: MadeiraMadeira, Hotmart, C6, Mercado Bitcoin, Unico, Frete.com, CloudWalk, Merama, Facily e Olist. Com isso, o Brasil soma mais de 20 empresas com o status. 

O setor de fintechs foi o setor que mais recebeu investimentos, captou 3,7 bilhões de dólares só no último ano em 176 rodadas, logo depois vem as retalitechs, com 1,3 bilhão de dólares aportados em 87 transações e em seguida real estate, com 1,07 bilhões de dólares em 32 rodadas. Startups de saúde também se destacaram, elas levantaram 530 milhões de reais ao longo de 69 rodadas, já as startups de mobilidade receberam 411 milhões de dólares em 20 rodadas.  

Já as startups que estão iniciando no mercado concentraram a maior quantidade de aportes. Tiveram 279 rodadas em fase Seed, assim somando 320 milhões de dólares e 200 transações em Pré-Seed  colheram 47 milhões de dólares. As transações mais avançadas foram responsáveis pelos maiores volumes de investimentos. As transações da série C foram 27 e arrecadaram 2,04 bilhões de dólares e as transações da série B foram 51 e arrecadaram 1,92 bilhão de dólares. 


Algumas startus brasileiras a qual estão avaliadas em mais de 1 bilhão de dólares. (Foto: Reprodução/Awariprodutoux)


Mas por que o ano de 2021 fechou com o recorde de investimentos em startups? 

Segundo Gustavo Gierun, cofundador e CEO do Distrito, as empresas entenderam a importância de transformações rápidas, principalmente no ambiente digital, fazendo assim acelerar toda a cadeia, “a pandemia fez despertar nas empresas uma tendência que parecia estar no futuro, a digitalização do negócio e a integração com o ambiente físico. Essa oportunidade de mercado, somada ainda à maturidade das startups brasileiras, atraiu também investidores nacionais e estrangeiros, que estão destinando fundos cada vez maiores para essa aceleração. A consolidação de unicórnios atesta como essa tese tem dado certo”, concluiu ele. 

Em 2011, quando teve o início do levantamento sobre os investimentos, foram atribuídos 147 milhões de dólares. Desde então, os investimentos cresceram mais de 60 vezes ao longo dos anos, demostrando assim o amadurecimento do ecossistema brasileiro, tanto em empresas de tecnologia quanto de investidores, que começaram a se sentir mais confortáveis a realizar maiores investimentos. Por isso, é muito significativo fechar o ano de 2021 com 9,4 bilhões de dólares. 

 

Foto destaque: Startup e tudo o que a envolve. Reprodução/Ejur

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo