Notícias

Seu Jorge fala ao Fantástico sobre show em clube gaúcho onde foi alvo de racismo

Após declarar ser contra a maioridade penal Seu Jorge foi vítima de ataques racistas durante show realizado em Porto Alegre. Foram feitos xingamentos e sons de macaco contra o músico.

24 Out 2022 - 15h17 | Atualizado em 24 Out 2022 - 15h17
Seu Jorge fala ao Fantástico sobre show em clube gaúcho onde foi alvo de racismo Lorena Bueri

Seu Jorge, um dos cantores de maior sucesso do país, foi vítima de vaias e xingamentos racistas durante um show realizado em Porto Alegre na última semana, no Clube Grêmio Náutico União.

De acordo com testemunhas presentes no local, o cantor foi xingado de macaco após fazer um discurso onde disse ser contra a maioridade penal.

Em entrevista ao Fantástico, Seu Jorge relatou os momentos que precederam seu discurso:

“Eu cantei, fiz meu concerto. Em determinado momento, fiz uma fala sobre a infância e adolescência. Entendo que, quando a gente trata da redução da maioridade penal, o foco atingido é a população jovem negra. E lisa Lucinda falou uma coisa muito interessante: ‘ninguém confunde a Eliana com a Xuxa, uma Grazi Massafera com a Gabriela Priolli, sabe? Mas a gente vai preso confundido. É morto confundido”.

Após essa declaração, o músico conta que ao final do show, já quando deixava o palco, percebeu vaias, mas que isso “era do jogo”.

Entretanto, ao final da apresentação, alguns vídeos começaram a circular nas redes sociais, onde é possível ouvir parte do público presente fazendo sons que seriam imitações de macacos. Seu Jorge conta que não havia ouvido os xingamentos e somente quando uma pessoa publicou as injúrias ele teve conhecimento do episódio.

Ao Fantástico uma fã do cantor — que preferiu não se identificar — conta o que presenciou durante o show:

“Estava tudo normal. O show maravilhoso. E aí ele apresentou o Pedrinho (da Serrinha) e falou então sobre a juventude negra, sobre o negro da favela e que ele é contra a redução da maioridade penal. Nesse momento, as pessoas se transformaram. Foi um show de horrores, uma grosseria”, conta a fã.


                             

                                   Registros dos xingamentos racistas sofridos por Seu Jorge (Video:Reprodução/Poder 360)


Três testemunhas fizeram denúncias e prestaram depoimento na delegacia especializada em combate à intolerância de Porto Alegre. Durante o depoimento, uma delas afirma que “pessoas que estavam do lado direito da pista começaram a se exaltar com as falas do cantor e proferiram injúrias raciais, vaias e xingamentos. Com imitação de som de macaco e xingamento de macaco”. Também foi relatado que os xingamentos de “vagabundo” e “preguiçoso” foram feitos ao músico.

A delegacia instaurou um procedimento policial de ofício — sendo assim a investigação será feita, mesmo sem que alguma vítima tenha feito o registro do boletim de ocorrência -. Novas testemunhas devem ser chamadas para prestar depoimento.

A denúncia foi feita ao Ministério Publico por Lúcio Almeida, representante do núcleo de Pesquisa Antirracista da Universidade Federal do Rio Grande do Sul assim que o mesmo soube do ocorrido. Lúcio afirma que “O ato de racismo sofrido pelo Seu Jorge é um ato normal em nossa sociedade. Atos que ocorrem todos os dias e que, de certa forma, só tivemos o conhecimento porque se tratava de um grande artista”.

Ainda durante sua entrevista, Seu Jorge disse:

“Estamos tratando de violência. Racismo, não. Racismo, não. Simples assim. Eu acho que não estamos tratando de política aqui. Estamos tratando de uma violência que não cabe mais no Brasil. A justificativa para o racismo não existe, assim como o racismo não deveria existir”.

No último sábado (22) manifestações foram feitas na porta do local. O clube Grêmio Náutico União, disse em nota que lamenta os fatos ocorridos durante a apresentação.

“Devemos todos combater o racismo. Eu sou um homem negro brasileiro. Eu sou um africano nascido no Brasil. Me sinto assim, me reconheço assim. E tenho um amor muito grande pelo meu país, pela minha nação, mas entendo que existe um atraso e uma dívida muito grande do Brasil para com o povo afrodescendente”, finalizou Seu Jorge.

Após o caso de racismo com o cantor, oito sócios do clube publicaram uma carta aberta ao público. Na carta os sócios reforçam a necessidade do local excluir os associados caso sejam identificados como participantes dos xingamentos racistas. Desde a publicação, cerca de 100 sócios também assinaram o documento.

 

Foto Destaque: Seu Jorge / Reprodução: Mais Goiás 

VEJA TAMBÉM

Giovanna Lancelloti revela que nunca fez algum procedimento estético em seu rosto Lorena Bueri

Giovanna Lancelloti revela que nunca fez algum procedimento estético em seu rosto

A atriz relata em entrevista que o público pergunta sempre sobre algum tipo de procedimento realizado em seu nariz ou boca, Giovanna afirma: “Tudo natural”
Zilu Camargo rebate declaração de Zezé Di Camargo sobre 'casamento forçado' Lorena Bueri

Zilu Camargo rebate declaração de Zezé Di Camargo sobre "casamento forçado"

A influenciadora Zilu Camargo comentou as declarações de seu ex-marido, o sertanejo Zezé Di Camargo, sobre o casamento ter sido forçado pela sua gravidez
Novas cenas de 'Gladiator 2' e nova data de estreia são lançadas  Lorena Bueri

Novas cenas de "Gladiator 2" e nova data de estreia são lançadas

Estrelado por Paul Mescal, o longa é uma continuação aguardada do sucesso dos anos 2000 “Gladiator”, que hoje em dia já é considerado um grande clássico
Rafa Kalimann é defendida por Juliana Silveira após desconforto com texto Lorena Bueri

Rafa Kalimann é defendida por Juliana Silveira após desconforto com texto

Atriz saiu em defesa de Rafa Kalimann e revela que já passou por situações parecidas em que sentia desconforto com algumas situações dentro do estúdio de gravação
Sylvinho fala sobre desempenho da seleção Albânia na Eurocopa após partida contra Croácia Lorena Bueri

Sylvinho fala sobre desempenho da seleção Albânia na Eurocopa após partida contra Croácia

O técnico falou um pouco sobre como está se comportando a seleção da Albânia e citou como está orgulhoso dos jogadores, mostrando raça e representado seu pais
Comissão de Educação e Cultura aprova projeto de lei que estabelece Novo Ensino Médio Lorena Bueri

Comissão de Educação e Cultura aprova projeto de lei que estabelece Novo Ensino Médio

Novo Ensino Médio inclui espanhol como disciplina obrigatória e prevê 2,4 mil horas de carga horária para disciplinas obrigatórias. Texto segue para votação no plenário; Saiba mais
Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo