Notícias

Segundo autoridades suspeito de causar explosão em Istambul foi detido

A forte explosão atingiu a Avenida Istiklal, no bairro de Beyoglu, em Istambul, na Turquia, no último domingo (13). Ao menos seis pessoas morreram e 81 ficaram feridas.

3 min de leitura
14 Nov 2022 - 21h50 | Atualizado em 14 Nov 2022 - 21h50

Um dos suspeitos de envolvimento na explosão que ocorreu em Istambul no último domingo (13), deixando cerca de 81 feridos e seis pessoas mortas, foi detido nesta segunda-feira (14), de acordo com o ministério do interior da Turquia. 

Suleyman Soylu, ministro do interior do país, afirma que:” de acordo com descobertas preliminares”, separatistas curdos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) é também do Partido da União Democrática (PYD) podem estar por trás do ataque. 

” Há pouco tempo, a pessoa que deixou a bomba [foi] levada sob custódia por equipes do Departamento de polícia de Istambul. Antes da prisão, mais 21 pessoas também foram detidas[...] A face do terrorismo é amarga, mas continuaremos essa luta até o fim, custe o que custar”, declarou Soylu. 


                                                                                                       (Reprodução/Twitter)


O vice-presidente da Turquia, Fuat Oktay, considerou a explosão um ataque terrorista, de acordo com informações divulgadas pela agência de notícias estatal Anadolu:

” Consideramos um ato terrorista como resultado de um agressor, que consideramos ser uma mulher, detonando a bomba”, disse o vice-presidente.


                                                               (Reprodução/Twitter)


Imagens de câmeras de segurança mostram uma mulher até então desconhecida, deixando uma sacola plástica em um banco após se levantar, algo que aconteceu minutos antes do ataque.

A explosão aconteceu por volta das 16h20 no horário local (10h20 no horário de Brasilia). O causador da explosão ainda não foi confirmado pelas autoridades.
 
Em declaração o presidente do país Recep Tayyip Erdogan, afirmou que os culpados serão punidos. Cemal Denizci, testemunha que estava a alguns metros da explosão disse a agência de notícias AFP. que "Havia fumaça preta. O barulho era tão forte, quase ensurdecedor"
 

Atentados na Turquia

Se a ação for confirmada como terrorismo, será o primeiro ataque sofrido pelo pais em mais de seis anos. A última tragédia aconteceu em 2016, á época o alvo foi a Avenida Istiklal, onde um homem-bomba realizou o atentado.

Também em 2016, dois ataques a bomba foram feitos em um estádio de futebol de Istambul, por parte do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) onde 38 pessoas morreram e 155 ficaram feridas.
 
 

Foto Destaque: Turcos lamentam perdas causadas pela explosão / Reprodução: BBC News

 

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo