Esportes

São Paulo bate o Palmeiras por 3 x 1 em primeiro jogo da final do Paulista

São Paulo abre bela vantagem contra o Palmeiras para garantir o bicampeonato paulista. O atacante Calleri foi o nome da partida que terminou em 3 x 1 para o tricolor do Morumbi

3 min de leitura
31 Mar 2022 - 10h08 | Atualizado em 31 Mar 2022 - 10h08

O São Paulo venceu o Palmeiras na noite da última quarta-feira (30), pela final do Paulistão. O jogo foi disputado no Morumbi. A partida de ontem, que acabou com uma boa vantagem para o Tricolor por 3x1, foi o primeiro jogo da final. O segundo jogo será no Domingo (3 de Abril) no Allianz Parque. O São Paulo abriu uma boa vantagem com dois gols de saldo, não existe mais gol qualificado e se o Palmeiras conseguir ganhar o próximo jogo com a mesma diferença de placar do jogo da ida, a final será decidida nos pênaltis.


Lance do toque de mão do Marcos Rocha. (Foto:Reprodução/Torcedores.com)


No primeiro  tempo o jogo foi equilibrado, com cada um dos times criando uma grande chance. Aos  nove minutos, alviverde criou o primeiro grande lance do jogo. O lateral-esquedo Piquerez driblou o Rafinha do São Paulo perto do escanteio e avançou até a grande área e rolou a bola para o meio da área, aonde Raphael Veiga pegou de primeira, com a bola quase indo para o gol. O Tricolor Paulista quase abriu o placar aos 12 minutos, um lance em que o lateral Welington avançou como um ponta e cruzou na entrada da área para Alison, o meia ajeitou a bola e finalizando, fazendo com que o chute triscasse na trave.

O jogo dava pinta que iria para o intervalo empatado com o placar zerado, porém o árbitro sinalizou um pênalti para o São Paulo em um lance duvidoso em que a bola pega no braço do Marcos Rocha após cruzamento do Alison. A penalidade foi convertida por Calleri. Aos 18 minutos do segundo tempo, houve um escanteio para o Tricolor do Morumbi. O cruzamento foi tirado pela defensa alviverde, mas o São Paulo recuperou a bola e o Rodrigo Nestor acabou a recebendo no lado direito da área e rolou para Pablo Maia que chutou de fora da meta adversária, fazendo com que a bola desviasse no zagueiro do Palmeiras, Murilo, enganando o goleiro Weverton.

O último gol do Tricolor no jogo foi marcado de novo por Calleri aos 35 minutos após uma jogada ensaiada de escanteio, o qual houve o cruzamento no primeiro pau para desviarem a bola no segundo, aonde o homem gol do time do Morumbi estava para empurrar para o gol. O Palmeiras manteve o confronto vivo ao marcar com Raphael Veiga uma falta lateral, em que o goleiro do Jandrei acabou falhando. O meia do Porco acabou cruzando na área, mas nenhum jogador acabou desviando na bola, o que fez o porteiro da meta do São Paulo aceitar um bola que era defensável.

O tricolor do Morumbi foi a campo com: Jandrei, Rafinha, Diego Costa, Léo , Weligton; Pablo Maia, Rodrigo Nestor(Andres Colorado), Igor Vinicius, Alison(Nikão), Éder(Marquinhos) e Calleri. O time do Palmeiras entrou com: Weverton, Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo , Piquerez; Jailson, Zé Rafael(Atuesta), Dudu(Wesley) ,Raphael Veiga, Gustavo Scarpa(Gabriel Veron) e Rony.

 

Foto destaque: Calleri. Reprodução/São Paulo/Instagram

Deixe um comentário

Lorena Bueri CEO, Lorena Bueri, madrinha perola negra lorena bueri, lorena power couple, lorena bueri paparazzi, Lorena R7, Lorena Bueri Revista Sexy, Lorena A Fazenda, Lorena afazenda, lorena bueri sensual, lorena gata do paulistão, lorena bueri gata do paulistão, lorena sexy, diego cristo, diego a fazenda, diego cristo afazendo